Blog

Blog

16 de jan de 2014

Direto da redação - O seu fim de noite!



sinais

Sinais da volta de Jesus: Especialistas em profecias apontam para “sinais inegáveis” no céu: luas de sangue



De tempo em tempos especialistas em profecias apontam para os sinais de cumprimento de alguma revelação bíblica. Os próximos dois anos serão marcados por diversos “sinais nos céus”, já conhecidos e previstos pela astronomia. Para eles, trata-se claramente da abertura de um dos selos descritos em Apocalipse 6.
O primeiro “alerta para a igreja” veio em 2008, quando o assunto foi levantado pelo pastor Mark Biltz, que é descendente de judeus. Ele afirmava ter feito uma descoberta surpreendente. Biltz estava estudando as profecias sobre o Sol e a Lua desde Gênesis, onde a Bíblia afirma que os luzeiros no céu serviriam “para sinais e para as estações do ano”.
“O termo em hebraico implica que não é apenas um sinal, mas um sinal da Sua vinda.” esclarece. Biltz diz ainda que a palavra traduzida como “estações” tem o sentido de “tempo determinado”, implicando na comemoração das festas estabelecidas por Deus no Antigo Testamento e que seguem o calendário lunar adotado pelos judeus.
Ele lembra de textos como Joel 2:31: “O sol se converterá em trevas, e a lua em sangue, antes de chegar o grande e terrível dia do SENHOR”, repetido em Atos 2:20. Também aponta para Mateus 24:29-30, quando Jesus diz “o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz. … E então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem” e Lucas 21:11: “haverá também coisas espantosas, e grandes sinais do céu”.
  
“Deus quer que olhemos para o calendário bíblico, pois ele vai sinalizar sua vinda… precisamos estar atentos às festividades bíblicas, pois são todas proféticas”, afirma Biltz, pastor da igreja El Shaddai em Bonney Lake, Washington. Ao fazer uma análise sobre o fenômeno conhecido como “lua de sangue”, que ocorre quando o Sol fica em frente à Lua no firmamento, Biltz notou que esse tipo de eclipse lunar ocorreria justamente durante as festas bíblicas em 2014 e 2015. O pastor acredita que ao se tratar de sinais na terra, como fomes, pestes e guerras, a humanidade já está acostumada a ouvir falar, mas não ocorrer o mesmo quando são sinais no céu.
Convencido da importância desse fator, o pastor John Hagee fez um estudo aprofundado sobre esses eventos. Este ano, lançou um livro e um DVD com o título “Four Blood Moons: something is about to change” [As 4 luas de sangue: algo está prestes a mudar]. Ele explica que usou as projeções da NASA, relatos históricos e a Bíblia. Para Hagee existe uma conexão direta entre os quatro próximos eclipses lunares (lua de sangue) e “o que eles anunciam para Israel e para toda a humanidade.”
Seu argumento principal é que ao longo dos últimos 500 anos, três luas de sangue ocorreram no primeiro dia da Páscoa. Estas aparições estão ligadas a alguns dos dias mais importantes da história judaica.

Luas de sangue em dias importantes

1492 – o último ano da Inquisição espanhola, quando os judeus foram expulsos da Espanha 1948 – proclamação do Estado de Israel e a Guerra da Independência
1967 – início da guerra dos Seis Dias, quando Israel lutou contra nações árabes e reconquistou Jerusalém como parte de seu território
“Cada corpo celeste é controlada pela mão invisível de Deus, o que sinaliza eventos futuros para a humanidade. Não há acidentes no movimento solar ou lunar”, argumenta Hagee. Para ele é de extrema importância que os cristãos entendam estes sinais proféticos que apontam para a Segunda Vinda de Jesus.

Especialistas em profecias apontam para "sinais inegáveis" no céu: luas de sangue 

Mais recentemente, o pastor Steve Cioccolanti, da Igreja Discover, na Austrália, produziu um longo vídeo em formato de DVD (também disponível no Youtube) sobre os “Os 8 Supersinais nos céus antes do 70º Aniversário de Israel).
Segundo ele, tudo o que Deus prometeu na Bíblia está relacionado com Israel e o povo judeu. Falando sobre as raízes hebraicas das profecias sobre o fim tempo, ele aponta oito sinais que serão vistos no céu antes do aniversário dos 70 anos da restauração de Israel. Por que o número 70 é importante? Cioccolanti explica: “Porque Israel ficou 70 anos no cativeiro babilônico e demorou 70 anos entre o nascimento de Jesus e a destruição do templo em Jerusalém. Portanto, é algo muito importante o fato de Israel estar prestes a completar 70 anos desde seu renascimento como nação, em 1948.”

Ele faz longas observações tentando explicar os oito sinais, juntamente com algumas observações sobre as datas que eles acontecerão. Para ele a questão é simples, esses sinais provavelmente “nunca mais ocorrerão nessa sequencia” e alerta: “irão começar em breve”. Lembra ainda que no Talmude, livro judeus de Interpretação da lei, ensina “Quando a lua estiver em eclipse, é um mau presságio para Israel. Se a sua face for tão vermelha quanto o sangue, a espada [guerra] está vindo ao mundo”. Para o judaísmo, a Lua é um sinal para Israel, enquanto o Sol é um sinal para os gentios [resto do mundo].

Lua sinal para Israel, Sol para gentios

1 – Cometa Ison (28 de novembro de 2013) – A NASA já divulgou que este ano veremos um cometa com cauda brilhante como a lua cheia.

2 – Lua de Sangue (15 de abril de 2014) – terá início a “Tétrade”, período em que quatro eclipses lunares consecutivos são todos eclipses totais. Prenuncio de uma guerra mundial sangrenta

3- Lua de Sangue (08 de outubro de 2014) – Festa dos Tabernáculos (Sukkot) no calendário de Israel

4- Eclipse Solar Total (20 de março de 2015) – Um sinal para os gentios. Aniversário da provável data em que Moisés tirou os judeus do Egito

5- Lua de Sangue (4 de Abril de 2015) – Festa dos Tabernáculos (Sukkot) no calendário de Israel

6 – Eclipse solar parcial (13 de setembro de 2015) – Festa das trombetas no calendário de Israel e 7 º aniversário desde a última grande queda do mercado

7 – Lua de Sangue (28 de setembro de 2015) – Superlua, que também é um eclipse lunar. A lua nunca esteve tão próxima da Terra. Esse evento ocorrerá durante a Festa dos Tabernáculos (Sukkot).

8- Virgem vestida de Sol (23 setembro de 2017) – 50º aniversário da reconquista de Jerusalém (Jubileu). Brilho extraordinários da constelação de Virgem, cumprimento da Profecia de Apocalipse 12.
Data profética principal: Dia dos 70 anos da Independência de Israel (14 de maio de 2018), marcando o renascimento da nação.

É possível ver o vídeo aqui (em inglês).
Paralelo a isso tudo, entre os judeus há um crença parecida, baseada nas profecias do famoso rabino Judah ben Samuel, um fervoroso estudante do Tanach [Antigo Testamento]. Ele foi o fundador do movimento judaico Hasídico. Ele morreu em 1217, mas deixou escritos com suas conclusões. Para muitos, são profecias sobre os últimos “Jubileus”, períodos proféticos de 50 anos, seguindo o texto de Números 25.

1. Desde a data em que profetizou (1217), passariam 6 jubileus (300 anos) até que viessem tomar a cidade de Jerusalém. De fato, os Turcos Otomanos a conquistaram em 1517.

2. A cidade de Jerusalém estaria sob o domínio [dos Turcos Otomanos] durante 8 Jubileus, ou seja, 400 anos. Considera-se cumprida, pois os Turcos ficaram até 1917, quando foram expulsos pelo exército britânico.

3. A cidade de Jerusalém seria uma “terra de ninguém” pelo espaço de 1 Jubileu (50 anos). A Inglaterra atuou politicamente como “Protetorado” entre 1917 e 1967, pois em junho daquele ano o exército de Israel expulsou os árabes da cidade durante a Guerra dos Seis Dias.

4. Os Judeus dominariam a cidade durante 1 Jubileu (1967 até 2017?), ano que marcaria o Jubileu final, que daria início à Era Messiânica. O Yon Kippur (ano novo) será em 30/9/2017.

Uma vez que 2017 de nosso calendário será o ano 5777 do calendário judaico, muitos acreditam que a união de 3 “setes” aponta para perfeição e plenitude, na cultura judaica. 
FONTE DAS  INFORMAÇÕES;  WND e Christian Post. 

A VINDA DAS QUATRO LUAS DE 'SANGUE' 

Maçonaria rituais secretos

As câmeras do National Geographic tiveram acesso aos templos e rituais maçônicos da Argentina, do México e do Uruguai, para levantar o véu de segredo e mistério que gira em torno de suas atividades, suas intenções e seus integrantes. Uma jornada pelos principais templos maçônicos do continente, que inclui uma descida ao subsolo para revelar a pequena sala em que os aspirantes têm a oportunidade de refletir antes de serem iniciados. Uma aventura que aborda a filiação maçônica de pessoas famosas de cada país, como Benito Juárez, e de artistas de relevância continental como Mario Moreno “Cantinflas”. A história de uma cidade argentina desenhada e construída segundo os símbolos maçônicos e de um dos clubes de futebol mais poderosos do continente, que leva em seu uniforme a mesma faixa vermelha usada pelos maçons.Uma história narrada pelas autoridades maçônicas e questionada por perguntas e acusações que seus críticos plantam desde sempre.


O Poder da Maçonaria


Os Segredos da Grande Muralha da China 


Arqueologia Bíblica . "" A arca de Noé""

   

Arca de Noé encontrada - O achado arqueológico que a mídia não divulga

Arca de Noé foi encontrada e põe fim a divergencias entre CRIACIONISTAS e EVOLUCIONISTAS 

Os illuminati Expostos por Muammar Kadhafi

     

O discurso que matou Kadhafi - Por quê Kennedy morreu e as mentiras de Obama


 A toca do coelho

Sei que a maioria das pessoas não verão o vídeo por ter mais de 10 minutos...
Também sei que muitos não conseguirão derrubar paradigmas...
Mas se você faz parte do grupo seleto de pessoas que entende que a informação aumenta a percepção, quebra doutrinas e crenças pré-estabelecidas e o coloca no lugar de um observador disposto a colapsar um conclusão a cerca daquilo que busca... Assista o vídeo até o fim.
Não viemos aqui para viver às margens de nós mesmos ou você realmente acredita que seu ciclo se resume a nascer, crescer, se reproduzir (ou não) e morrer?
Somos muito mais do que dizem que somos, somos átomos, divinos, toda a grandeza do universo se encontra dentro de você. Não duvide.

Quem somos nós?

 Cortina de Fumaça







A chave da grande farsa 11/9: A implosão do Prédio 7


wtc_greenwichO Prédio 7 era um arranha-céu de 47 andares que fazia parte do complexo de edifícios do World Trade Center.

Em 11 de Setembro de 2001, nenhum avião bateu nele. Apenas nas Torres Gêmeas. Uma pequena área do 12º andar deste prédio incendiou-se devido ao efeito colateral dos incêndios das Torres Gêmeas.
O incêndio terminou às 15:50 horas de 11 de setembro. Mesmo assim, o prédio desabou, mais de uma hora depois do fim do incêndio, de uma forma perfeitamente simétrica, em menos de 7 segundos!
Os maiores especialistas do mundo afirmam: NÃO FOI DESABAMENTO; FOI UMA DOMOLIÇÃO CONTROLADA!!! Que somente poderia ter sido preparada meses antes do evento, por equipes de profissionais altamente especializados que tivessem livre acesso ao edifício.
O Prédio 7 abrigava diversas agências governamentais, como a CIA e o Serviço Secreto. Também tinha arquivos importantes sobre crimes perpetrados por Wall Street. E seu dono, Larry Silverstein, tinha acabado de fazer um seguro bilionário sobre o imóvel.
Mais de 1500 engenheiros e arquitetos pelo mundo formaram uma associação chamada Arquitetos & Engenheiros pela Verdade sobre 11 de Setembro.
Esta associação conseguiu provar que a versão oficial do ocorrido no Prédio 7 do complexo do World Trade Center é fraudulenta. Este relatório foi emitido pelo Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia dos Estados Unidos, e tem inconsistências inacreditáveis.
Nestes 10 anos decorridos após o ataque, arquitetos, engenheiros, a mídia alternativa, família de vítimas de 11 de Setembro, bombeiros e cidadãos americanos preocupados com esta fraude clamam por uma nova investigação. Mas é preciso notar que não é a grandeza desta operação, nem sua engenhosidade e complexidade, que são chocantes. O que impressiona de verdade é que a mídia convencional, de massa, dominada pela elite globalista, conseguiu durante este período todo manter este assunto fora do alcance do público em geral, o que prova que há uma enorme conspiração em andamento e que o despertar da população do planeta para esta verdade é um passo importante para derrotar a Nova Ordem Mundial.

Engenheiros revelam que 11 de Setembro foi ORQUESTRADO PELOS AMERICANOS!

 

 Somos escravos "modernos" ...



"Não é demonstração de saúde ser bem ajustado a uma 
sociedade profundamente doente" 


Jiddu Krishnamurti

"A servidão moderna é uma escravidão voluntária, consentida pela multidão de escravos que se arrastam pela face da terra. Eles mesmos compram as mercadorias que os escravizam cada vez mais. Eles mesmos procuram um trabalho cada vez mais alienante que lhes é dado, se demonstram estar suficientemente domados. Eles mesmos escolhem os mestres a quem deverão servir. Para que esta tragédia absurda possa ter lugar, foi necessário tirar desta classe a consciência de sua exploração e de sua alienação. Aí está a estranha modernidade da nossa época. Contrariamente aos escravos da antiguidade, aos servos da Idade média e aos operários das primeiras revoluções industriais, estamos hoje em dia frente a uma classe totalmente escravizada, só que não sabe, ou melhor, não quer saber. Eles ignoram o que deveria ser a única e legítima reação dos explorados. Aceitam sem discutir a vida lamentável que se planejou para eles. A renúncia e a resignação são a fonte de sua desgraça".
Admirável Mundo Novo (Brave New World na versão original) é um livro escrito por Aldous Huxley e publicado em 1932 que narra um "hipotético futuro" onde as pessoas são pré-condicionadas biologicamente e condicionadas psicologicamente a viverem em harmonia com as leis e regras sociais, dentro de uma sociedade organizada por castas.

A Servidão Moderna

 Sagrada Terra Especulada



A Ecovila pretendida para o setor Noroeste em Brasília é tão "ecológica" quanto o carro Ecosport... Conheça as relações viscerais entre política e especulação imobiliária, os políticos, juízes e agentes públicos,  empresários envolvidos no empreendimento. Veja os abusos cometidos pelo ex-Governador Arruda (cujo vice é o maior construtor da cidade), o mesmo que foi preso pela Polícia Federal. Quem paga a conta desse fraudulento discurso são os indígenas juntamente com uma extensa área de preservação ambiental no DF.

Crucificação!... Fé, Loucura ou Fanatismo?

O CHAMADO DE DEUS