Blog

Blog

15 de nov de 2013

Direto da redação - Edição da tarde!







O mundo de Sofia


O Mundo de Sofia (Sofies verden em norueguês) é um romance escrito por Jostein Gaarder, publicado em 1991. O livro foi escrito originalmente em norueguês, mas já foi traduzido para mais de 50 línguas, teve sua primeira edição em português em 1995, que atualmente se encontra em sua 70ª reimpressão. Somente na Alemanha foram vendidos 3 milhões de cópias. O livro funciona tanto como romance, como um guia básico de filosofia. Também tem temas conservacionistas e a favor da ONU. Em 1999, foi adaptada para um filme norueguês.




Poucos segundos durante uma transmissão ao vivo de mais de seis minutos bastaram para que teorias começassem a se espalhar pela internet. De acordo com ufólogos, não foram apenas os humanos que apreciaram a passagem pelo espaço da tocha dos Jogos de Inverno de Sochi (Rússia), no último sábado. Nos vídeos e análises das imagens postados na rede, dois objetos não identificados também teriam flagrado o momento especial em que o símbolo olímpico foi conduzido por astronautas russos durante uma caminhada pela Estação Espacial Internacional.
O primeiro objeto pode ser visto aos 48 segundos de vídeo. Ele se move muito rápido e para cima. Só é possível observá-lo se você parar o vídeo e procurá-lo. O segundo é mais fácil de ser visualizado, pois se move mais devagar. Ele aparece aos 1:02 minuto, próximo da área em que o primeiro foi visto.
Esta é a primeira vez que uma tocha olímpica faz um passeio fora da Terra. Nos Jogos de Atlanta, em 1996, e Sydney, em 2000, a tocha foi enviada ao espaço, mas sem sair da atmosfera. Os Jogos de Inverno na Rússia começam no dia 7 de fevereiro.

PS: No final deste vídeo fiz uma edição em câmera lenta para melhor visualização, veja até o final:



Por onde anda o homem que disse ser um ET na Terra e que fez uma triste previsão?


Por onde anda o homem que alega ser um extraterrestre encarnado na Terra? Paul Laussac alegou, em entrevista à TV, que foi convidado a assumir a missão de entrar no corpo de uma criança, a qual havia comido uma jabuticaba estragada e adquirido uma doença chamada disenteria bacelar, a qual foi fatal para a criança. Laussac teria crescido no corpo desta criança e virado um cientista. Através do seu conhecimento ET e de outros conhecimentos ditados por outros ETs, Laussac teria criado várias máquinas tecnológicas para ajudar os seres humanos. Assistam aos dois próximos vídeos e posteriormente continuamos com o texto…



No primeiro vídeo Paul Laussac diz que o menino morreu porque não havia penicilina em 1945. Muitos vão contestar esta informação, porque a penicilina foi inventada em 1928, sim é verdade, porém só começou a ser utilizada em 1944 e chegou ao Brasil em 1945, justamente o ano da morte da criança citada no vídeo, mas não sabemos informar se logo no início da implantação da penicilina no Brasil, todos tinham acesso à ela. Conhecendo as políticas públicas brasileiras, acredito que de início apenas uma minoria teve acesso ao antibiótico.
Laussac mostra também suas invenções, as quais são realmente muito interessantes, destacando a Pineal Trainer que promete estimular nossa glândula Pineal, a qual parece funcionar como uma antena de contato com realidades mais sutis, como um canal com a paranormalidade.

Outra coisa muito interessante que notei na reportagem é a declaração de Laussac no final do primeiro vídeo, lá ele alega que em um futuro próximo um asteroide irá se chocar com o planeta Terra, caindo em Porto Rico. Até aí tudo bem, pode ser apenas um chute, uma previsão sem nenhum fundamento, mas o que me deixou intrigado é que esta previsão corrobora com a informação passada a um abduzido de Porto Rico. Amaury Rivera, quando abduzido em 1988, teria visto em uma holografia dentro do disco voador, um asteroide caindo exatamente na costa de Porto Rico e causando enorme catástrofe na Terra. Coincidência? Estariam os ETs realmente nos alertando para uma catástrofe iminente? Assistam ao vídeo de Amaury Rivera e posteriormente continuamos com o texto…

A declaração de Amaury Rivera é de 1988 e a entrevista de Paul Laussac nós não sabemos a data exata, mas dá pra notar que também trata-se de uma entrevista bem antiga. Se esta previsão catastrófica for algo verdadeiro e inevitável, será que o evento estaria próximo? As agências espaciais tem mostrado uma preocupação, embora um pouco velada, com os asteroides que vem caindo na Terra, como o que caiu recentemente em Chelyabinsk, na Rússia.
O fato é que a mídia aberta tem dado mais atenção ao assunto e agora, que a Globo mostrou, muitos céticos vão começar a acreditar e embora digam (no final do vídeo abaixo) que a possibilidade de asteroides caírem na Terra seja muito remota, é bom começarmos a nos preocupar, pois ninguém previu a queda do meteorito de Chelyabinsk e este feriu cerca de 1500 pessoas. Da mesma forma outros corpos celestes, ainda maiores, poderão nos atingir. Espero que não…

O OCULTISMO NA CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL   




O Ocultismo praticado na CCB - Parte 1   




O OCULTISMO NA CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL   

A Congregação não crê nas Escrituras 

  

Corrupção e escândalos na Congregação Cristã no Brasil

Maçonaria na Congregação Cristã - Lista de anciãos CCB

   

A MAÇONARIA NO COMANDO DA IGREJA




Maçonaria: "A História de Hiram Abiff" 





A Caminho da Copa - 2014



Delicie-se. Eu não tenho mais o que dizer, apenas lamentar nosso destino.
Assista antes que tirem do ar.



A verdade sobre a Copa do Mundo 2014/

Jogos Olímpicos 2016


O Massacre da Serra Elétrica (1974) Completo 

  



Massacre do Carandiru foi um marco, mas cadeias ainda não recuperam presos, diz Drauzio Varella

O assassinato de 111 homens sob custódia do Estado no episódio que ficou conhecido internacionalmente como o massacre do Carandiru representou um marco na história do sistema penitenciário paulista e provocou uma série de mudanças de gestão até hoje vigentes. Por outro lado, o episódio, que começa a ser julgado em São Paulo na segunda-feira (15), passadas mais de duas décadas, nem de longe representa que os egressos desse mesmo sistema possam, um dia, ser devolvidos à sociedade melhor que ao deixarem as grades.
A opinião é do cancerologista e escritor Drauzio Varella, membro da equipe médica da extinta casa de detenção, implodida em 2002, e autor de dois livros sobre o universo da unidade: "Estação Carandiru", de 1999, e "Carcereiros", de 2012. Atualmente, ele dá expediente uma vez por semana na Penitenciária Feminina do Estado, em prédios que foram mantidos do antigo presídio.
O Tribunal do Júri do caso, que começaria na segunda-feira (8) no Fórum Criminal da Barra Funda (zona oeste de São Paulo), teve o início adiado para 15 de abril, após uma jurada, com problemas de saúde, ser dispensada

Segundo o juiz José Augusto Nardy Marzagão, a equipe médica que dá suporte ao júri constatou "impossibilidade" da jurada de permanecer no tribunal. Por conta disso, o Conselho de Sentença (corpo de jurados), sorteado nesta manhã, teve de ser dissolvido.

O médico conversou com a reportagem do UOL na clínica dele no bairro da Bela Vista, região central de São Paulo, nessa sexta-feira (5). Ele se disse incrédulo sobre a possiblidade de que seja faça justiça ante um massacre daquela proporção não apenas pelo longo tempo decorrido, como pelas responsabilizações até hoje oficialmente apontadas.
Segundo a denúncia do MPE (Ministério Público Estadual), 84 policiais militares foram responsáveis pelas mortes de 111 homens durante a tentativa de conter uma rebelião entre dois grupos de presos do pavilhão 9 no dia 2 de outubro de 1992. Desse grupo, cinco PMs já morreram –entre os quais, o comandante da operação no dia da invasão, o coronel da reserva Ubiratan Guimarães, assassinado em 2006.

"Os principais implicados nessa história toda estão fora de qualquer tipo de punição. Estão livres. Pergunto: quem é o culpado? Quem foi que disse: 'Invada'? Afirmar que o coronel [Ubiratan] tomou essa decisão por conta própria é abusar da inteligência da gente", afirmou o médico, que, sem citar nomes, concluiu: "O coronel recebeu ordem de alguém, esse é o verdadeiro responsável e, infelizmente, nunca vai ser identificado. Nem tem mais como se fazer justiça –será que se esses policiais vão levar a culpa por toda essa tragédia engendrada lá atrás por alguém que se escondeu no anonimato?", indagou.

"O Carandiru era um intruso no meio da cidade"

Indagado sobre as mudanças que observou no sistema nesses últimos 20 anos e seis meses após o "massacre", como gosta de enfatizar –"que outro nome dar a uma batalha onde é 111 a zero?", justificou --, o médico apontou a redução dos casos de tortura nos presídios paulistas, o fim das rebeliões como havia até o Carandiru e a mudança de política na administração presidiária, que tirou da Polícia Militar a atribuição de lidar com os conflitos nas unidades.

"O massacre foi um marco, as mudanças vieram mesmo em consequência dele. A violência nas cadeias naquela época era muito comum; a tortura fazia parte da rotina, e de repente um acontecimento dramático trouxe à luz essa violência que o Estado era capaz de realizar", disse. "E toda a imprensa, inclusive a internacional, ficou sabendo. Porque até ali, o Carandiru era um intruso no meio da cidade, a gente fingia que não existia e ele veio à luz."

O médico, que esteve no Carandiru em uma palestra para travestis horas antes de começar a rebelião no pavilhão 9, lamentou que o Estado não dispusesse de negociadores de conflitos à época. Hoje, apontou, a realidade é outra.
"Pelo menos aqui em São Paulo, temos agora os [GIRs] Grupos de Intervenção Rápida, com agentes penitenciários melhor preparados para essas situações de distúrbios. Na época não havia, era a PM que resolvia, e resolvia à moda deles –os policiais não eram treinados para resolver diplomaticamente, mas para reprimir. Era o que se esperava deles", disse.


Goulart de Andrade no Carandiru   


Parte 2   



a historia do diabo


A História do Diabo



Lúcifer, Belzebu, a Besta, Satanás. Ele tem sido chamado por muitos nomes e tem tomado muitas formas estranhas e diferentes. A idéia do inimigo de Deus tem circulado por milhares de anos e ainda possui o mesmo poder. Mas onde começou a história de Satanás? De onde ele veio? E como ele se tornou o Príncipe das Trevas?


O ser humano tem um objetivo: Desenvolver máquinas que leem os pensamentos. Já houve avanços importantes mas estamos próximos de controlar a mente ? É possível que os hackers do futuro possam espionar dentro das nossas próprias mentes ? Vamos apresentar uma máquina que, em breve, poderá ler a mente de um terrorista antes que ele ataque; Um homem que faz uma chamada telefônica só em pensar em fazê-la e pessoas que dizem que seus pensamentos já estão sendo controlados por uma força estranha. Essa série investiga como o impossível torna-se possível e o que isso pode significar no futuro.




São Paulo (Saint Paul)



Essa a é a história de um homem que mudou os corações e as mentes do mundo ocidental. Ele começou como inimigo de Jesus. Mas após uma experiencia transformadora ele se tornou seu maior defensor. Esse revolucionário impetuoso foi colocado em um caminho de conflito e adversidade. Agora podemos revelar uma nova evidência científica que tem espalhado luz no estado mental de um homem conhecido como São Paulo. Investigaremos a vida de um dos mais brilhantes estrategistas do cristianismo. O homem que espalhou a nova fé no coração do império romano mesmo sendo alguém que nunca sequer se encontrou com Jesus de Nazaré.
áudio: english
legendas: português br