Blog

Blog

7 de dez de 2012

"Canta Brasil"!




Mais do Ney Matogrosso - De Papo Pro Ar



Grande Ney Matogrosso- Batuque na Cozinha


John Lennon - working class hero (official video)



Um show. Começar o dia como o Bolero de Ravel sob a regencia de Tomomi Nishimoto.



Forró do Bom lança o seu mais novo clipe




A Banda Forró do Bom divulgou o seu mais novo clipe da música "Facebook Aberto" onde o mesmo e interpretado por Kátia Cilene e Aduilio Mendes, só lembrando que este já é o segundo clipe da carreira banda.

Confira no vídeo abaixo esse mais novo clipe do Forró do Bom:

 

Centenário do 'Rei do Baião' em destaque no Senado



A coincidência entre o centenário de nascimento de Luiz Gonzaga e o registro de uma das piores secas vividas pelo Nordeste brasileiro nos últimos 40 anos marcou o discurso de homenagem do senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) ao cantor e compositor pernambucanoem sessão especial do Senado. - A voz forte de Gonzaga ainda ecoa, dirigindo-se para as autoridades, para denunciar o descaso, a burocracia que seguram e impedem a velocidade na ajuda ao povo do Nordeste.

A Vida de Viajante - Luiz Gonzaga   

xote ecológico - luiz gonzaga - vander 

12- A TRISTE PARTIDA - Luiz Gonzaga - 50 anos de chão - disco 4  

  

Assista aos vídeos em TELE CHEIA

O centenário ocorre diante de mais uma tragédia, fruto da ação da natureza para a qual o homem, com toda a ciência, ainda não achou uma solução - lamentou. Após apontar o filme Gonzaga, de pai para filho como um dos mais tocantes a que já assistiu, o senador Cristovam Buarque (PDT-DF) afirmou que enquanto Luiz Gonzaga não fez seus poemas e músicas, o Nordeste não existia para o resto do país. Cristovam também destacou trechos de músicas do Rei do Baião, como A Morte do Vaqueiro e Xote Ecológico, para realçar o viés filosófico e a preocupação com o meio ambiente presente em suas composições. - O mais marcante em sua obra é sua força social - emendou o senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), para quem Luiz Gonzaga era "a bandeira do sertão nordestino em que tremula o Brasil inteiro". Conterrâneo de Rei do Baião, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) também assinalou a importância do artista para o "transbordamento" da cultura nordestina para o resto do país e o mundo. - Quero registrar a minha satisfação, o meu orgulho de participar de um evento em que o Senado fala em nome do Brasil. É uma homenagem do povo brasileiro a uma figura que, sem dúvida nenhuma, tem um espaço forte na formação da musicalidade do país - destacou Jucá.

Luiz Gonzaga- Asa Branca (Rei do Baião)


   


 A genialidade do criador do clássico Asa Branca também foi exaltada pelo senador Valdir Raupp (PMDB-RO), que creditou a Gonzagão o feito de tirar o Nordeste da sombra e lançá-lo na mídia. - Envolvidos em sentimento de muito orgulho, brasileiros de todos os cantos agradecem o privilégio de ter abrigado um dos maiores talentos musicais, que trouxe uma incomensurável contribuição para a cultura brasileira - declarou Raupp.

Frei Damião 




A sessão especial de homenagem a Luiz Gonzaga foi presidida pelo senador João Vicente Claudino (PTB-PI), que recordou a morte do Rei do Baião, no dia 2 de agosto de 1989, vítima de parada cardiorrespiratória, em Recife (PE). - O Velho Lua, como também era chamado, repousa eternamente na pequena Exu, ao lado dos pais no Mausoléu do Gonzagão, que fica dentro do Parque Asa Branca, às margens da BR-122, um museu a céu aberto da vida e da obra do inesquecível Lua, um patrimônio cultural do nordeste brasileiro - relembrou João Vicente.

Fonte: Mais Forró