Blog

Blog

12 de abr de 2013

Direto da redação - O seu fim de noite!



 A História Completa de Adolf Hitler

Conheça agora toda a trajetória do Führer Nazista Adolf Hitler, desde sua infância e adolescência difíceis até sua queda, depois de aterrorizar todo um continente. A Ambição de um único homem pelo poder, odiado por muitos e rotulado como o mais perverso dos homens a pisar na terra.
Ainda nos dias de hoje, ideais criados pelo Führer são cultivados em baixo dos panos da politica e da sociedade, lições morais de soberania da Raça Ariana.

Durante duas ou três semanas o blog estará dedicado somente a essa causa. Falaremos sobre Josef Mengele, indicaremos e publicaremos criticas sobre filmes com esse assunto. Tem muita coisa a ser postada e gostaria muito que vocês participassem com suas opiniões, pois no final dessa série de postagens farei um vídeo com a minha.






Discurso de Hitler

Bom estou começando agora uma série especial e bem extensa de matérias sobre o Nazismo. Falaremos muito sobre a Segunda Guerra Mundial, sobre o 3° Reich e tudo que se envolve nesse meio. Uma biografia completa de Adolf a Hitler.
Estou postando a seguir um vídeo que mostra um discurso de Adolf Hitler Legendado. Espero que não confundam essa série de postagens como algum tipo de preconceito.


 Segredos do Espaço Anunnaki, Suméria, Illuminati


alienigenas do passado

A Invasão Alienigena é ainda um outro documentário revelador sobre as conexões que ligam os extraterrestres Anunnaki e antiga Suméria (atual Iraque) com as sociedades secretas como os Illuminati. 
Outro documentário do Canal Enigma com Chris Everard, Jaime Maussan, Marcus Allen, Gordon Creighton e Bob Oeschler que traz para as massas informações nunca antes vistas sobre OVNIs, Serpentes do Ceu, Os Nefilim, Os Observadores e a Irmandade Reptiliana da Serpente.


 Revelando Verdades Ocultas


Alerta Ovini apariçoes


As Vezes imagens falam mais do que palavras

Vejam vídeo de imagens referentes aos seguintes assuntos:
Revelando verdades Ocultas sobre: Abaixo-assinados Alimentação Anjos Arcanjos AntiCristo Falsos Profetas Anunnaki Nibiru Apocalipse Profecias Arqueologia Arquivo X Astronomia Biblia Estudos Bruxaria Feitiçaria Demônios Satanismo Deus e deuses Diversos Doenças e Saúde Download Soft. Arq. Etc... Exorcismo Possessão Fenomenos Naturais Filmes Series Geologia Guerras Homossexualismo Idolatria Illuminati Maçons Templarios Jogos Livros Mensagens Midia Mistérios Lendas e Hoax NASA ONU Neurolingüistica Noticias Originais OADM Religiões Diversas Saia da ignorancia saiba Simbologia Sobrenatural Teorias Geral Ufologia Vicios Drogas Bebidas... Visão Bíblica


http://saibatananet.blogspot.com.br/

 Francisco de Assis Pereira - O Maniaco do Parque

Francisco de Assis Pereira nasceu em São Paulo, e ficou conhecido pelo apelido de "Maniaco do Parque". Francisco teve uma infância difícil, e segundo depoimento do própio, teria sido abusado sexualmente por uma tia durante sua infância.

Já adulto Francisco teria sido seduzido por um patrão, o que o levou a ter interesse por relações Homossexuais. O Rapaz também passou por uma péssima experiencia, segundo ele uma gótica teria mordido, e quase arrancado seu pênis durante o ato sexual, o que o causou certo trauma. Francisco ja adulto viveu por mais de um ano, ao lado da travesti Thayná, a qual era vitima de agressões.

Simpático e com boa lábia, era um exímio patinador e participava de campeonatos e de um grupo de patinação noturna. Algumas das vitimas foram abordadas ao se interessar por suas manobras.

De Janeiro a setembro de 1998, convidou garotas para posar em ensaios fotográficos. As vitimas eram levadas para áreas de Mata Atlântica do gigantesco Parque do Estado de São Paulo, na zona sul da capital paulista. Após espancar e violentar, estrangulava suas convidadas até a morte.

Investigações Começam


Em 5 de Julho de 1998 a policia encontra os primeiros corpos, que levariam a suspeitar que um assassino em série estaria a solta. Eram 4 cadáveres de mulheres estranguladas, todos despidos, debruço com as pernas afastadas, posição tipica de vitimas de estupro. Esses quatro cadáveres foram relacionados a mais 2 encontrados em Janeiro e maio daquele ano, período que ainda não se suspeitava da ação de algum Serial Killer. Em 28 de Julho mais dois corpos são encontrados.

Durante varias pesquisas, a equipe da Divisão de Homicídios, descobriram 3 casos de tentativa de estupro entre maio de 1996 e dezembro de 1997 no parque. As 3 mulheres que conseguiram escapar do assassino, ajudaram a policia elaborando um retrato falado do assassino, levando a investigação até a empresa de Motoboys onde Francisco trabalhava.

Na Empresa de Motoboys, oficiais encontraram a carteira de identidade de uma das garotas encontradas no parque. Ao ver o cerco se fechar o Maniaco fugiu para Itaqui, RS, onde foi reconhecido por pescador e finalmente foi preso. Após ser preso o que mais intrigou as autoridades foi como alguém feio, pobre, sem muita instrução e sem armas conseguia convencer mulheres a subir na garupa de sua moto e ir para a mata, se tratando de um homem desconhecido.


Interrogatório


Após 72 horas de interrogatório, Francisco confessou ter matado dez mulheres. Ele afirmou que lutava constantemente contra seu instinto predador e que orava e rezava o terço para tentar conter seus impulsos. Ele relatava ter um "lado Negro" e revelou que ficava excitado, malvado e carente ao relembrar seus ataques.

Os peritos fizeram um molde de sua arcada dentaria para comparar com mordidas encontradas no corpo de algumas das vitimas - indicio de que os ataques podiam se estender e escalar para o Canibalismo. Francisco foi levado a júri popular, foi condenado a 147 anos de prisão.


As Maniacas Admiradoras


Na cadeia, recebia cartas de admiradoras e até ficou casado, por pouco tempo com uma delas: uma senhora de 60 anos. Veja alguns trechos de algumas dessas cartas
Eu não sei o que fazer para te distrair. Mas eu tenho uma ideia: primeiro quero dizer que te desejo todas as noites. É muito bom. Te acho gostoso, meu fogoso. Você está juntinho comigo, dentro do meu coração. Depois que chego em casa, queria você de corpo e alma, te amando. 
Te quero de qualquer jeito. Eu te amo do fundo do meu coração. Não perca a esperança, acredite em Deus, porque algum dia a gente vai se encontrar. Sei de seu comportamento doentio, por isso quero que fique calmo...
Quero te dizer que estou morrendo de saudade, querendo você... Aih meu Deus como te desejo todas as noites. Eu durmo sozinha e querendo você aqui. Mas sei que é impossível. O certo é eu ir te ver. E como posso sentir. Que é meu?
Francisco, não deixe a tristeza tomar conta de você e acabar com o brilho do seu olhar. Acredite em Deus, você não está e nunca ficará sozinho. Jesus te ama, sua mãe e seu pai também e, principalmente, eu...


Crimes e Vitimas


Elisângela Francisco da Silva


Elisângela Francisco da Silva tinha 21 anos e era paranaense, filha de uma família pobre de Londrina, vivia em São Paulo, com a tia Solange Barbosa, desde 1996. Por causa das dificuldades financeiras, abandonou a escola na 7ª série. Depois de ser deixada por uma amiga no Shopping Eldorado, na Zona Oeste de São Paulo, nunca mais foi vista, tendo seu corpo nu encontrado em 28 de julho, no Parque do Estado.

O corpo já decomposto exigiu um duro trabalho de identificação. O reconhecimento só aconteceu três dias depois. "Eu tinha esperança de que não fosse ela", diz a tia. No dia de seu desaparecimento, Elisângela saiu de casa dizendo que voltaria dali a duas horas.

Raquel Mota Rodrigues


A grande ambição de Raquel Mota Rodrigues, de 23 anos, era ganhar dinheiro para ajudar a família, que vivia em Gravataí, no Rio Grande do Sul. Nos finais de semana, Raquel costumava frequentar barzinhos com três amigas. Nunca chegou em casa depois da meia-noite. Por volta das 8 horas da noite de 9 de janeiro, ela saiu da loja de móveis onde trabalhava como vendedora, no bairro de Pinheiros, na Zona Oeste da capital paulista.

Ao desembarcar na Estação Jabaquara do metrô, já quase em casa, telefonou para a prima avisando que conhecera um rapaz e que aceitara posar de modelo para ele em Diadema, na Grande São Paulo. "Disse que era melhor ela não ir", lembra Lígia. Era muito arriscado sair com um desconhecido. "É, eu não vou", respondeu a garota. Raquel nunca mais apareceu. Seu corpo foi encontrado no matagal do Parque do Estado no dia 16 de janeiro.

Selma Ferreira Queiroz


Selma Ferreira Queiroz era menor de idade e a mais nova de três irmãs, pretendia fazer faculdade de ciências contábeis ou computação. Os planos de Selma, contudo, foram interrompidos na tarde de 3 de julho. Entre sua casa, na cidade de Cotia, na Grande São Paulo, e o centro da capital paulista, onde trataria das formalidades referentes à sua demissão como balconista de uma rede de drogaria, ela desapareceu. Era uma sexta-feira.

No dia seguinte, um homem telefonou para Sara, irmã de Selma. Informou que a moça havia sido sequestrada e pediu um resgate de 1.000 reais dizendo que voltaria a ligar no final da tarde. Não ligou. Nesse mesmo dia, o corpo de Selma foi encontrado no Parque do Estado. Estava nua, com sinais de estupro e espancamento. Nos ombros, seios e interior das pernas, havia marcas de mordidas. Selma morreu estrangulada e o último sinal de vida da garota foi para o namorado. Ela avisou que não chegaria a tempo para assistir ao jogo do Brasil contra a Dinamarca com ele, mas que estava a caminho de sua residencia.

Patrícia Gonçalves Marinho


Aos 24 anos, Patrícia Gonçalves Marinho nunca revelara à família o sonho de ser modelo. No dia 17 de abril, ela saiu da casa da avó Josefa, com quem morava e desapareceu. Seu corpo só foi descoberto em 28 de julho. Estava jogado numa área deserta do Parque do Estado. A identificação de Patrícia só foi possível porque ao lado do corpo foram encontradas roupas e bijuterias da moça. Foi estuprada e morreu por estrangulamento.

Jurado de Morte


No inicio do cumprimento da pena, na casa de Custodia de Taubaté, foi jurado de morte pelo colega de prisão Pedrinho Matador. Atualmente cumpre pena em Itaí, a 300 Km de São Paulo, numa penitenciaria exclusiva para criminosos sexuais.



Réplica do rosto do Maníaco no Museu do Crime

Vídeo sobre o Maníaco do Parque













 Instinto assassino - Isabella Nardoni

Os assassinos que matam friamente pessoas próximas mentem, e agem normalmente após tal crime, merecem a maior escala no extremo da maldade, assim o caso em questão ganha o episodio de estreia na série americana que mostra os assassinatos mais chocantes de toda América Latina, vamos relembrar o caso Isabella Nardoni.

Um dos crimes que mais abalaram a opinião pública brasileira e do mundo, o assassinato da menina Isabella Nardoni, abriu a terceira temporada do "Instinto Assassino", no Discovery Channel.

Na noite de sábado, 29 de março de 2008, a pequena Isabella Oliveira Nardoni, de cinco anos, estava sob os cuidados de seu pai, Alexandre Alves Nardoni, de 29 anos, e da madrasta, Anna Jatobá, de 24 anos. Os  últimos minutos desta noite ficaram marcados por um crime horrendo. Isabella caiu do sexto andar do apartamento do casal, em um edifício localizado na zona norte de São Paulo.

Avisada, a mãe de Isabella, Ana Carolina de Oliveira, ainda encontrou a menina com vida. Pouco depois, Isabella morreria no hospital. A polícia subiu até o apartamento do casal e percebeu que a tela de proteção havia sido cortada, e não havia sinais de arrombamento.

Alexandre Nardoni e Ana Jatobá foram conduzidos à delegacia para prestar esclarecimentos. No entanto, os depoimentos estavam repletos de contradições. Mais tarde, eles se negaram a participar da reconstituição do crime.

Os peritos do Instituto Médico Legal utilizaram tecnologias de última geração para detectar sangue e resíduos no apartamento, e encontraram provas irrefutáveis da participação do casal. A menina teria sido estrangulada, e em seguida, atirada pela janela do apartamento, onde Alexandre Nardoni e Ana Jatobá moravam com os dois filhos pequenos.

Em março de 2010, dois anos depois da morte de Isabella, um júri popular condenou o casal por homicídio triplamente qualificado.

Alexandre foi condenado a cumprir 31 anos, um mês e 10 dias, com o agravante de ser o pai da menina, e Ana Jatobá foi condenada a 26 anos e 8 meses, ambos em regime fechado.

A Série

A série é focada na ciência forense e revela as técnicas empregadas por peritos, investigadores e detetives, além de fazer uso de reconstituições das cenas dos crimes e da investigação.

No caso do programa sobre Isabella teremos entrevistas inéditas com a perita Rosângela Monteiro, responsável pelo laudo sobre a cena do crime, e com o investigador Luis Alberto Spinola, envolvido diretamente no caso.


Dica G- Killer: Toda quinta ás 22:00 o canal Investigação Discovery exibirá um especial para quem gosta de psicopatas com as series Índice da Maldade, Vizinhos Assassinos e Encontros Perigosos. Além disso é um ótimo canal para quem gosta de entender ou até mesmo saber como funciona a mente de um psicopata