Blog

Blog

16 de abr de 2013

Direto da redação - Edição da tarde!



 Uma vela em forma de mulher 

Pois é, mesmo navegando pelas águas mais tranquilas da internet, a gente consegue encontrar coisas curiosas, bizarras, belas e inesperadas. Ainda não me decidi direito em qual categoria as imagens abaixo se enquadram, mas com toda certeza eu gostei, e por isso trago esse material para vocês. Eu não tenho muitas informações a respeito dessas fotos, apenas sei que a mulher de cera, com pavios incorporados, uma vela mulher no popular, foi feita por Richard Philips da AFVandevorst (que eu acredito que é uma grife belga) para a Arnhem Bienal de 2011. Se algum de vocês tiverem mais informações a respeito, fiquem a vontade para fazer suas colocações nos comentários...



Confira um vídeo onde nossa bela dama em chamas.

 Josef Mengele - O anjo da Morte


O texto a seguir tem como tema, "O anjo da morte", médico nazista que matou e torturou uma enormidade de pessoas, em nome da ciência Nazista. Venha conhecer o carrasco de Auschwitz e mergulhar nos horrores da segunda guerra mundial.
Josef Rudolf Mengele nasceu em 16 de março de 1911, em Günzburg (Alemanha). Filósofo e coronel-médico da SS (tropa de elite nazista), executou 400 mil prisioneiros - entre eles judeus, homossexuais, ciganos, deficientes físicos e estrangeiros. Os poupados da morte eram enviados ao zoológico, como eram chamados os barracões onde ficavam as cobaias humanas.

Desde os tempos de faculdade na Universidade de Munique, tornou-se amante da genética e conheceu o Dr. Ernest Rudin, que pregava o dever moral dos médicos de eliminar "criaturas indesejáveis", ou seja, judeus e homossexuais. Aprofundou seus estudos e projetos no Instituto de Hereditariedade, Biologia e Pureza Racial do Terceiro Reich, em Frankfurt.

Os Experimentos

Mengele realizou cirurgias de mudança de sexo, removeu os órgãos genitais de milhares de crianças sem qualquer anestesia, castrou, esterilizou e testou-as com drogas alucinógenas. Ele acreditava que, anões, deficientes físicos e gêmeos eram fruto da excessiva miscigenação entre raças, alimentando uma espécie de "tara macabra" por estes últimos.

Com um sorriso nos lábios, Mengele presenteava-as com doces e roupas para depois levá-las ao seu laboratório - quando não nos caminhões que transportavam os prisioneiros, em seu próprio carro particular.

Em meio a um leque de testes monstruosos, ele transferia sangue de tipos diferentes de um gêmeo para outro e injetava corantes em seus olhos, causando infecções e cegueira; costurava-os no intento de criar um único gêmeo siamês; amputava braços e pernas para tentar, obviamente sem sucesso, regenerá-los e atirava os prisioneiros em tanques de água fervente para ver quanto tempo eram capazes de resistir.

Ao fim de seus experimentos, as cobaias eram mortas e tinham seus corpos dissecados. Dos cerca de 3 mil gêmeos que entraram em Auschwitz, apenas 183 sobreviveram.

Os procedimentos de Mengele, que serviam como uma ótima desculpa para o seu sadismo, não contribuíram em nada para o progresso da medicina e jamais conseguiram provar a superioridade da raça ariana (alemã).

Fuga.

Com a iminente derrota nazista, Mengele fugiu de Auschwitz pouco antes da chegada das tropas soviéticas e permaneceu escondido na Alemanha até 1949, quando mudou-se para a Argentina sob o falso passaporte austríaco de Wolfgang Gerhardt.

De 1970 até sua morte em 1979, viveu no Brasil - mais precisamente no sul e nos arredores de São  Paulo. Seu Pedro, como era conhecido, passava os dias cuidando de jardins e ouvindo Wagner e Mozart. Morreu afogado em Bertioga, litoral sul de São Paulo, e sua ossada foi identificada em 1992 através de um exame de DNA de seu filho.

Documentário do History Channel




Fonte: O corvo.


 O Julgamento de Andrei Chikatilo (Legendado)


Depois de uma grande postagem que fala sobre sua história, e seu Modus-operanti, trago a vocês o vídeo do julgamento de Andrei Legendado.

Confira nesse Link, a história completa de Chikatilo.



 A Mina Harsard

Bom uma coisa que eu sei que fascina muita gente, são lugares abandonados. Hoje escolhi um do qual eu nunca havia ouvido falar. A Mina de Harsard se tornou um dos lugares mais misteriosos e apavorantes de toda Bélgica e por essa razão levo vocês a um Tour pelas Instalações.
A mina Hasard é uma das mais bem preservadas minas abandonadas na Bélgica. Arquitetura interessante, todas as áreas acessíveis do edifícios se encontram em boa forma.
Como a maioria das minas é um lugar extremamente perigoso, com descobertas, buracos ocultos e estruturas possivelmente instáveis. Você pode nunca ser encontrado de volta. Os primeiros edifícios da "Charbonnage du Hasard" datam de 1860. A mina foi fechada em 1977.
Dentro chapelaria ainda é possível encontrar a máquina que foi usada para puxar para cima o carvão das galerias. Os motores elétricos foram feitos na Bélgica.




Esta mina está localizada na parte francófona da Bélgica e a maioria dos documentos que eu encontrei foram escritos em francês. No entanto, as nacionalidades dos mineiros naquela época era muito diversificada. Na sala de reunião sindical, eu encontrei todos os documentos para os mineiros traduzidas em holandês, italiano, Greec e turco.
Entrar nas galerias é provavelmente a coisa mais estúpida que você pode fazer: após alguns metros não há som, e nem luz, as galerias, divididas se tornam um labirinto, as costelas estão corroídas e entraram em colapso em muitos lugares.


O ar é quente e úmido e tem um cheiro estranho. Se algo acontecesse com você aqui ninguém iria ouvir você e se você ainda estiver vivo você ira provavelmente morrer de fome antes de se encontrado.












Cinco Anos depois, os exploradores retornaram a mina. Foi exatamente em 2001, e agora não tenho bem certeza da historia desses corpos que foram fotografados no chuveiro. A Legenda dizia anos se passaram e os corpos permanecem la.


 A Origem do Planeta Terra (Teoria)

planetas alienigenas 01
Documentário fantástico relatando a origem do nosso planeta azul e de toda vida que nele existe. Depois deste documentário fico me perguntando: A "vida" seria realmente o resultado de uma série de catástrofes e ocorrências aleatórias? Isso é meio perturbador, mas acreditar em algo celestial também não esclarece todas as nossas dúvidas.




Fonte: YouTube



 Parto Normal

Bom Galera a pedido de uma leitora e colega minha que por grande felicidade vai ser Mamãe resolvi postar o vídeo. Ela me pediu o vídeo de uma parto normal, pois ela quer ter uma base do procedimento do qual vai passar daqui a 3 Meses, então dei uma procurada e achei o que ela queria e pra não perder o embalo logo junto trago também partos normais de alguns animais. Se acharem que a postagem é ofensiva de algum modo então sugiro que não veja o vídeo e poupe sua critica.

Parto Normal - Mulher

Parto Normal - Mulher



Parto Aquático - Mulher



Parto Normal - Égua


Parto Normal - Gata



Parto Normal - Elefante



Parto Normal - Girafa


 Animais Que Anunciam a Morte


São animais capazes de prever a morte? Existem espécies que trazem má sorte? Muitas lendas urbanas envolvendo eventos trágicos, relatam animais como presságios de morte.

Corujas

Se uma coruja está pairando em torno de janelas ou pousou no telhado de uma casa, seus gritos anunciam em breve a morte de uma pessoa.

Coerente com isso, uma antiga lenda mexicana diz que "quando a coruja canta, o índio morre". Então, talvez relacionado a isso, é o fato de que, quando padres espanhóis chegaram na América Latina, difundiram a crença de que as corujas eram criaturas do mal, animais usados por demônios e bruxas e nos conciliábulos utilizados na noite escura. Esta lenda foi profundamente enraizada no imaginário popular, de geração em geração até aos nossos dias, após o que é relativamente comum para as pessoas, quando você vê uma coruja perto de sua casa insulte-a, ou grite para assustá-la.

Borboletas Pretas

Em muitas culturas politeístas (vários deuses) dos tempos antigos, acreditava-se que as borboletas pretas por causa de sua cor e condição dos animais que se alimentam à noite, estavam associadas com bruxas ou deuses do mal e foram usados ​​por eles para feitiços ou vingança.

Devido em grande parte à crença anterior, não muito tempo atrás, havia pessoas que, quando viram uma dessas criaturas chegar a sua casa, interpretavam a visita  como um anúncio de morte iminente entre os membros da família.

Galinhas e galos

Em certos setores da tradição popular espanhola, acredita-se que o galo é sinistro. Assim, os estudos de José Miguel de Barandiarán sobre a cultura basca, ele escreve as seguintes superstições que existem nos seguintes locais:

Em Ziga, "o galo cantando no estranho é mau agouro e para destruir a sua eficácia jogue um punhado de sal para a lareira. Nenhuma indicação é só a morte, mas prenuncio qualquer outra calamidade. "

Em Dohozti " O canto do galo anuncia que algo desagradável está para acontecer no bairro, geralmente disse que um vizinho vai morrer."

Além disso, acredita-se também que alguém vai morrer quando você escuta uma galinha imitando o som de um galo. 

Morcegos

Se um morcego bate à noite, com suas asas nas janelas da sala em que um paciente se encontra, ela irá morrer naquela noite.

Também ira morrer um paciente no mesmo dia, se você ver uma coruja branca.

Cães

Se ouvir um cão uivando durante a noite, ou latindo para o nada, é porque ele tem visto um fantasma.

Além disso, uma crença popular diz que se um gravemente doente dá a sua comida para um cachorro e ele aceita isso, então ira viver, enquanto que, se ele a rejeita, ele vai morrer.

Gatos

Os gatos têm sido associados à morte por séculos. Entre os antigos egípcios o gato era sagrado, a ponto de muitas vezes ser mumificados gatos com camundongos, quando um gato morria entrava-se em luto, raspando as sobrancelhas. 

Mais tarde, na Idade Média milhares de gatos foram queimados, porque eles acreditavam que eram animais de estimação de bruxas, o que certamente poderia ser possível, mas que não fez o gato um "animal do mal".

Agora, além da crença, o gato realmente parece ter algum sentido. Portanto, acredita-se que quando um gato esta olhando fixo para um ponto, onde não há nada, é porque ele está vendo um fantasma ou talvez um demônio (se a sua reação é muito forte). Mas a coisa mais perturbadora é a capacidade de prever a morte, e um exemplo disso é o gato Oscar , que era geralmente tímido, mas quando um paciente vai morrer, Oscar permanece junto ao paciente em enfermo.


Mitos argentino

Na Patagônia todos temem o canto do bacurau (um pequeno pássaro cinza) que abundam no sopé da Cordilheira dos Andes. Porque algumas lendas dizem que seu grito anuncia doença ou morte de qualquer morador.

Por todas as contas, a melodia do pássaro Chingolo Sad (ave comum pequeno, cinza e branco) é a voz de uma pessoa que perdeu uma aposta feita com o diabo, e como castigo permanece vagando para sempre, lamentando a dor do fracasso.

Cavalos

Quando um cavalo coloca seus olhos negros sobre uma pessoa em um cortejo fúnebre, ele está anunciando a iminente morte dessa pessoa.

Falcão

Havia uma superstição entre os antigos babilônios: quando um médico estava indo para uma casa para ver um paciente, se ele viu um falcão no céu do lado esquerdo, isso significava que o paciente que ele estava visitando iria morrer. O mesmo era verdade se passado um vaga-lume brilhando acima do paciente, da direita para a esquerda.

Cobras

Diz a lenda que se uma cobra aparece em um túmulo, é um sinal de que o falecido tenha vendido sua alma ao Diabo.