Blog

Blog

21 de set de 2013

Direto da redação - O seu fim de noite!




A Doutrina do Choque - The Shock Doctrine

No dia 5 de maio, postei o documentário A Doutrina do Choque, diante da crise atual, das diversas ameaças naturais e confeccionadas que observamos todos os dias, acredito que esse documentário é obrigatório para aquele que deseja aprender sobre a utilidade de uma crise que engloba uma série de fatores (econômicos, sociais, guerras, naturais etc...), valendo repeti-lo para aqueles que não conhecem.


Produzido por Naome Klein que explica: A doutrina do choque como todas as doutrinas é uma filosofia de poder. É uma filosofia sobre como conseguir seus próprios objetivos políticos e econômicos. É uma filosofia que sustenta que a melhor maneira, a melhor oportunidade para impor as idéias radicais do livre-mercado é no período subseqüente ao de um grande choque. Esse choque poder ser uma catástrofe econômica. Pode ser um desastre natural. Pode ser um ataque terrorista. Pode ser uma guerra. Mas, a idéia é que essas crises, esses desastres, esses choques abrandam a sociedades inteiras. Deslocam-nas. Desorientam as pessoas. E abre-se uma ‘janela’ e a partir dessa janela se pode introduzir o que os economistas chamam de ‘terapia do choque econômico’. 

A utilidade da crise


Só uma crise real ou percebida, produz uma mudança real, quando essa crise ocorre, as ações que se tomam dependem das idéias que rondam por aí.

Invasão no Iraque

Ataques aéreos tão devastadores que os soldados de Sadam não lhes ficará a vontade de lutar. A idéia é uma chuva de bombas tão forte, citado como "Choque e Pavor".

Em um dia a Força Aérea e a Marinha lançaram 300 a 400 mísseis de cruzeiro contra objetivos no Iraque. Mais do que os que se lançaram nos 40 dias de toda a primeira Guerra do Golfo.

Harla Ullman é um dos autores do conceito de "Choque e Pavor" no qual se baseia o uso de um grande número de "armas guiadas de alta precisão". Então tem este efeito simultâneo semelhante às armas nucleares em Hiroshima que não tomam dias ou semanas, senão uns minutos...

...acaba com a cidade, ou seja, despoja-se de eletricidade, de água e começa uma impecável campanha de desgaste ao fim de 2, 3, 4, 5 dias está física, emocional e psicologicamente esgotada.

...à noite, a uma milha de centro de Bagdad parecia o inferno na Terra.

...o Iraque tinha o melhor sistema educativo da região. 89% dos iraquianos sabiam ler e escrever. (Isso me lembra a Líbia)

São três diferentes tipos de choque

Choque da Guerra seguido pelo Choque econômico e como resitência a a transformação econômica, o choque da execução, incluindo tortura.

...em 2003 quando começou a gerra no Iraque, para cada 100 soldados havia 10 mercenários...em 2007 havia no Iraque mais mercenários do que soldados...

...em 2004 os EUA tinha indemenizado os mercenários frente a qualquer lei iraquiana, assim atuavam fora da lei como na prisão de Guantanamo...

...o terrorismo é os Estados Unidos...

...é isto a que me refiro com a "doutrina do Choque", o saque sistemático da esfera pública depois de um desastre.

Quando a população está demasiado focada na emergência, nas suas preocupações diárias, para proteger os seus interesses.

...Estamos assistindo a uma transferência de riqueza de tamanho inconmensurável. Trata-se de uma transferência de riqueza desde mãos públicas, desde as mãos do governo, recolhida da gente, através dos impostos para as mãos dos indivíduos e empresas mais ricas do mundo. Não necessita dizer que, são as mesmas pessoas e empresas que criaram a crise.

...talvez o primeiro ato de resistência é negar-se a permitir que a nossa memória coletiva seja apagada.


Faça a diferença! Absorva as informações que lhe caem no colo, juntos somos fortes e quanto mais Consciências Conscientes mais fortes somos e mais difícil fica enganar, controlar, manipular. 




O campo magnético da terra

National Geographic - O Campo Magnético da Terra

O documentário “Earth's Force Field”, produzido pelo National Geographic em 2009, nos adverte sobre enfraquecimento do campo magnético do planeta. Assim a radiação do espaço poderá atingir diretamente a Terra, deixando-a sem proteção.

NatGeo - O Campo Magnético da Terra
Aqui, numa parte do oceano Atlântico um pouco além da costa brasileira. Existe uma região, onde o campo magnético está rapidamente se enfraquecendo na Região conhecida como Anomalia do Atlântico Sul...

Resumo sobre o campo magnético da terra:

Quando a lava entra em erupção na crosta da Terra e endurece, ele preserva um instantâneo de polaridade da Terra, tanto na forma que a limalha de ferro sobre um pedaço de papelão alinhar-se ao campo de um ímã colocada por baixo.

De acordo com o registro geológico da Terra, o campo magnético do nosso planeta gira, em média, uma vez a cada 200 mil anos. O tempo entre as reversões variam amplamente, no entanto. A última vez que o campo magnético da Terra capotou foi a cerca de 780 mil anos atrás.

Nós ouvimos o campo magnético hoje parece que está diminuindo e pode reverter. Que não ouvimos é que está em uma escala de tempo de milhares de anos”, disse Glatzmaier. “Não é nada que iremos experimentar em nossa vida.

Mas várias gerações a partir de agora, os seres humanos só pode testemunhar uma reversão. Até então, Glatzmaier disse, os cientistas entendem melhor o processo e estão mais preparado para lidar com os efeitos.

Geodínamo -  Os cientistas acreditam que o campo magnético é gerado nas profundezas da Terra, onde o calor do sólido núcleo interno do planeta agita um núcleo externo líquido de ferro e níquel. O núcleo interior é pensado ser uma massa de ferro do tamanho da lua, que é aquecida a vários milhares de graus centígrados. O calor irradiado por este núcleo acumula em sua fronteira com o núcleo externo líquido da Terra, fazendo com que o fluido não se expanda.

Quando ele se expande, torna-se um pouco menos denso [e mais] flutuante. Então ele começa a subir. Isso é convecção”, disse Glatzmaier. “Aumenta fluido quente, depois esfria e afunda novamente.

Acesse, extraído do texto original: http://news.nationalgeographic.com

Sinopse:

O campo magnético da Terra, o protetor de toda a vida no planeta está sob ataque constante de radiação cósmica mortal. Este escudo invisível sob o qual vivemos está enfraquecendo em uma região sobre o Atlântico Sul (próximo ao litoral brasileiro), deixando-a exposta à radiação potencialmente letal. Estaria a Terra perdendo seu campo magnético, condenada a um destino semelhante ao de Marte? 

Muitos cientistas acreditam que a resposta está nos dados paleomagnéticos, e que esse enfraquecimento pode ser precursor de uma inversão do campo magnético; um processo cíclico e lento. No entanto, os seres humanos não estavam por aqui quando a última inversão ocorreu, então o que isso significa para a vida? - Campo Magnético da Terra (Documentário-2009). Canal: Revcien - Revolução Científica
Assista:


Fonte do vídeo: Dawnoftheblackhearts
- See more at: http://tantettaus.blogspot.com.br/2013/08/national-geographic-o-campo-magnetico.html#sthash.ipVYwdIC.dpuf

Filme: O Objetivo

Este é “The Objective”, um filme de ficção científica de terror, rodado no afeganistão sobre extraterrestres, vimanas e OVNIs Invisíveis, dirigido por Daniel Nyrick. Ele estreiou no Marrocos, em Abril de 2008 e nos EUA, em fevereiro de 2009.

Nós não vemos o verdadeiro inimigo
Um grupo de operações reservistas epeciais em uma missão no terreno inóspito e hostil do Afeganistão se encontram perdidos em um Oriente Médio “Triângulo das Bermudas” de antigos males.

Sinopse:

Na província de Ghazni, no Afeganistão, uma equipe das Forças Especiais atende o Agent Benjamin Keynes da CIA, que explica sua missão que é encontrar um Clérigo afegão muito importante com o nome de Mohammad Aban. O líder da equipe, Wally Hamer ordenar aos homens para ficar pronto. Depois de ter sido inserido, a equipe encontra um guia local, Abdul em uma vila no sul do Afeganistão, onde o Clérigo esta. Juntos, eles vão para as montanhas, onde o Clérigo tem uma reputação de esconderijo.
Como eles vão mais para as montanhas, eles começam a ter estranhos encontros. Primeiro, eles são emboscados por pistoleiros, que matam Trinoski. A equipe retorna ao fogo, matando vários homens armados, mas quando eles verificam os corpos, eles desapareceram.
Naquela noite, a equipe vê os faróis de um veículo se aproximando. No entanto, as duas luzes separadas e, em seguida, rapidamente voar para o céu e desaparece. Depois de especular sobre o que as luzes podem ter sido, eles passam rádio para um helicóptero para reabastecer-los. No dia seguinte, eles não podem obter a recepção no seu rádio ou GPS. Seu caminhão, danificado da emboscada, está lutando para subir a montanha. À noite, a equipe ouve um helicóptero se aproximando, embora não possam identificá-lo.
Como seu rádio não está funcionando, eles tentam sinalizar para o helicóptero. Como o helicóptero, ainda invisível, parece estar diretamente em cima deles, o barulho abruptamente pára e instantaneamente, algo que não deve ser fisicamente possível. Enquanto isso, o rádio pega o que parece ser Persa ou Árabe, mas ninguém pode entender. Eles armazenar o corpo de Trinoski em modo que possam mover-se para uma posição mais segura para a noite.
Na manhã seguinte, a equipe descobre partes do corpo de Trinoski espalhados rpóximo por todas as rochas. Mais acima na montanha, avistam marcadores estranhos, triangulares feitas de varas através da superfície da montanha. Como eles continuam a pé, com a sua missão na paisagem rochosa e estéril, cansaço, frustração e confusão tomam seu pedágio sobre os membros da equipe e se deparam com uma Caverna. Lá dentro, eles encontram um velho que lhes dá abrigo e recargas suas cantinas.
O Sargento Sadler percebe que sob os homens de robes, ele parece estar vestindo um uniforme do exército britânico do século XIX. Sadler diz aos outros de uma lenda de como um regimento britânico desapareceu nas montanhas do Afeganistão, deixando apenas um sobrevivente. Na parte da manhã o sargento Cole observa o velho aparentemente falando sozinho. Mas quando ele olha através de seus óculos de visão noturna, o soldado vê um grupo de homens com espadas em vestes negras.
Em pânico, o soldado abriu fogo, matando acidentalmente o velho. Abdul diz que eles devem enterrar o corpo, mas Keynes ordenas a equipe para seguir em frente no caso de o inimigo ouvir. Um soldado, o médico, desenvolve dores de estômago horríveis. Enquanto ele tenta beber de uma cantina, ele descobre que ela é cheia de areia, assim como todo mundo com recipientes de água. Mais adiante, Abdul fica surpreso ao descobrir que existe um vale inteiro que não costumava estar lá.
As tensões aumentam ainda mais quando o time é encontrado por uma luz brilhante durante a noite. Como K.T. e Cole tenta flanquear a luz, acreditando ser um ardil pelo Taliban, eles são imediatamente vaporizados. Na manhã seguinte, Abdul avisa Keynes que eles estão lidando com um fenômeno sobrenatural que está além da concepção humana, e tem consequências mortais, então ele comete suicídio por pisar fora de um penhasco.
Como a equipe progride mais e tensões entre o aumento de homens, os soldados enfrentar Keynes e exigir a verdade. Keynes mostra-lhes uma gravação de sua câmera de imagem térmica e informa-los sobre o verdadeiro motivo. O vídeo térmico mostra um objeto triangular no deserto. Sendo quase invisível a olho nu, ele levanta do chão, depois de três homens (supostamente), incluindo Muhammad-Aban, caminhar até ele e desaparece bem na frente dos olhos de Keynes. Foi esse objeto que matou os homens. A CIA monitora esse fenômeno há algum tempo e enviou Keynes e a equipe de forças especiais lá para investigar isso.
O tempo todo, Keynes vem registrando com sua câmera térmica especial e enviar as imagens para Langley através de um laser avançado que visa os satélites da CIA. Keynes teoriza que este objeto provém de uma antiga mitologia Indiana chamada 'Vimanas' ou em 'português', uma espécie de fenômeno OVNI relacionados ao que ocorreu quando Alexandre andava por esta área de terra, como ele foi vitorioso, e as luzes brilhantes e os pistoleiros fantasmas estão associados . Ele também explica que a equipe é uma 'dispensável' para a investigação e que não serão resgatados, o que provoca uma breve briga com o sargento agitado.
Ficando sem munição, água e comida a equipe caminha mais para o deserto, onde eles finalmente encontram os Vimanas no que parece ser o local que o regimento britânico foi destruído. Sadler, sobrecarregado com medo, abre fogo sobre os Vimanas aparentemente invisíveis apenas para ser vaporizado. Keynes foge com Degetau e abandona-o mais tarde, como esta doente demais para continuar, e depois ouve seus gritos antes de ser destruído pelos objetos. Exausto e traumatizado, Keynes procura por água. Ele encontra um Oásis e bebe a água com isso só descobrir o corpo de Hamer, colocado ao lado da água. Incapaz de compreender o horror, ele desmaia. Quando ele acorda no meio da noite, ele ouve o som distante de um helicóptero e dispara sua arma de fogo.
Simultaneamente, várias explosões de fogo até o vale. A luz brilhante que ele encontrou anteriormente re-aparece e dois Seres a partir dele se aproximar dele. Como ele toca sua testa, ele vê visões e alucinações de vários objetos e paisagens de seus encontros anteriores, levando-o a entrar em transe. Na cena final, ele é mostrado flutuando alguns centímetros acima de uma cama, com um talismã que ele levou da casa de Aban em sua mão, dentro de um quarto de hospital, onde os médicos e um coronel militar estão observando-o através de uma janela de vidro. Em um transe, ele finalmente sussurra: “Eles vão nos salvar...
Nos créditos finais, as entrevistas da esposa de Keynes são mostradas na qual ela diz que a família ainda não foi informado sobre ele e conclui que ele esteja perdido.
Assista:


Fonte: http://www.imdb.com, www.wikipedia.org,

Fonte do vídeo: SurfandolacrestaXXI
- See more at: http://tantettaus.blogspot.com.br/2013/09/filme-o-objetivo.html#sthash.Bzcr0n7n.dpuf

O Big Bang de João Magueijo

João Magueijo é um cosmólogo que dedicou a maior parte da sua vida tentando entender o universo. Foi chamado de radical, herege, anarquista e até retardado. Mas desta vez, o Mente Aguçada abrirá as portas para o seu mundo.
Por que estamos aqui?
Para onde vamos?
De onde veio tudo isto?
João Magueijo
Os comólogos respondem essas questões com apenas duas palavras: Big Bang. A teoria do Big Bang é a pedra angular da cosmologia. Sua função é explicar como o cosmo surgiu. Não explica completamente o início do universo, mas como se comporta exatamente agora, minuto a minuto, segundo a segundo.
Uma simples fórmula do Big Bang sugere que o universo surgiu de um estado
inimaginavelmente quente e denso. E está se expandindo e esfriando desde então. Como temos certeza de que o universo está se expandindo?
A resposta veio através da observação das galáxias. 
Qualquer direção no céu é repleta de galáxias e cada uma delas move-se para longe de nós. É como se todo o universo estivesse fugindo. E essa expansão é uma das provas consistentes de que o Big Bang realmente aconteceu. Parece que quanto mais observamos o universo, mais evidências encontramos para confirmar a teoria do Big Bang. Mas nada é perfeito e como toda boa teoria cosmológica, a do Big Bang tem suas falhas.
Neste documentário você conhecerá as ideias de João Magueijo, o físico que questiona os pilares da Teoria da Relatividade de Einstein, com argumentos como o eixo do mal, o problema do horizonte, a inflação cósmica, entre outros. João Magueijo apresenta novas e polêmicas ideias para diversos problemas da física e desafia provar suas teorias para resolver tudo aquilo que ainda não foi desvendado.


Assista ao documentário completo e entenda o início do universo na visão de João Magueijo:




A Era do Video Game


Muitos adoram sentar em frente à TV e adentrar no maravilhoso mundo de fantasia dos videogames.
Mas de fato, você reconhece a importância dele?
Muitas pessoas consideram o videogame como um simples aparelho para divertir as pessoas, ludibriando-as com ambientes virtuais e levando suas mentes para lugares que na maioria das vezes nem existem. Esta é uma indústria multibilionária, que arrastou o nosso mundo para o domínio digital. Ele não é apenas entretenimento, é arte, cultura e criatividade. Através dele, diversas coisas são recriadas e expostas de outras formas, demonstrando pontos de vista, ideias e sentimentos. Com ele conseguimos vivenciar acontecimentos que jamais teríamos a oportunidade de presenciar, como voar, controlar objetos com a mente, ser um monstro, um guerreiro, um astro, ou qualquer outra coisa diferente do que somos no mundo real.


Este pequeno aparelho reproduz com grande riqueza de detalhes os diversos desejos ocultos que a humanidade tem de fazer coisas que não são possíveis na realidade e abre a possibilidade para experimentarmos sonhos impossíveis. Mas o videogame não se limita a apenas isso, sua história faz parte da humanidade e moldou grandes mudanças em nossa forma de enxergar o mundo. 

 Desenvolvido num período conturbado e violento, ele surgiu em meio a guerra e através desse contexto, revolucionou a tudo e a todos, criando novos caminhos na tecnologia, entre diversos outros setores.
O Mente Aguçada traz a série A Era do Video Game, composta por 5 episódios, para que você descubra como o videogame surgiu e o impacto que ele teve na vida de todos nós. Saiba qual foi o primeiro jogo a ser criado no mundo e descubra como um simples ponto se movimentando na tela veio a se transformar nos ambientes "quase reais" que vemos hoje em dia. Você ficará encantado com o desenvolvimento notável deste incrível aparelho e vai perceber que ele não só diverte as pessoas em seus momentos livres, mas sim que o mundo nunca mais foi o mesmo desde que ele apareceu em nossas vidas.

Assista o primeiro episódio e descubra tudo sobre o videogame:






RECORDANDO - VÍDEO AO VIVO MOSTRANDO UM DISCO VOADOR ATINGINDO AS TORRES GEMEAS


Não encontrei esse vídeo com legendas. Mas o que mais me interessa nele é a imagem, AO VIVO, em dois canais de televisão distintos, um mostrando um avião atingindo as torres gemeas e o outro mostra UM DISVO VOADOR atingindo as torres, ao invés do avião! É o máximo..



A História da Ciência

Há algumas grandes questões que nos intrigam e perseguem desde o surgimento da humanidade.
O que há lá fora?
Como chegamos até aqui?
Do que o mundo é feito?
 
 A história de nossa busca para responder tais questões é a história da ciência


De todos os empreendimentos humanos, a ciência teve o maior impacto em nossas vidas, sobre como vemos o mundo, sobre como vemos nós mesmos. Suas ideias, feitos e resultados estão ao nosso redor. Como chegamos ao mundo moderno? Isso é ainda mais surpreendente e humano do que possam imaginar. A história da ciência habitualmente é contada como uma série de momentos de revelação. O triunfo final da mente racional. Mas a verdade é que o poder e a paixão, a disputa e o acaso, tiveram papéis igualmente importantes.
A ciência é uma atividade muito humana. Algo que inconscientemente fazemos todos os dias, observando o mundo, construindo modelos mentais e testando-os. Mas somente quando começamos a usar o método científico intencionalmente  é que fomos muito além de nossas capacidades individuais. 

A ciência é o maior empreendimento coletivo que a humanidade já realizou. Ao longo dos últimos milhares de  anos, o cérebro humano não mudou. A evolução não é assim tão rápida. O que mudou foi nossa compreensão do mundo. Não dependemos apenas da sabedoria do nosso próprio cérebro. Temos linguagem, literatura, hoje, computadores, e isso une todos nós. Que nos dá, por assim dizer, a sabedoria de todos que nos precederam.



Nesta série em seis episódios o Mente Aguçada dará uma visão diferente sobre como a ciência acontece. Ela foi definida tanto pelo que está fora como dentro do  laboratório. Como a história fez a ciência e como a ciência fez a história, e como as ideias produzidas através dela mudaram nosso mundo. 
 
É uma história de poder, prova e paixão.
Não importa o quão estranhas as conclusões possam parecer, é apenas aceitando as provas que chegamos a compreender não apenas o universo, mas também nosso lugar dentro dele.



Veja os vídeos








 As Formações Espiraladas no Saara

Estas belas imagens de encher os olhos, foram feitas no norte da África, onde mostra uma série de formações inusitadas do projeto “Deserto Breath”, como espirais e cones localizadas no Saara, numa área situada entre o Egito e o Mar Vemelho.


Espirais e Cones
Veja:

Impossível ficar indiferente a esta formação em espiral, composta por 89 cones no deserto do Saara, na borda entre o Mar Vermelho, na localidade de El Gouna, no Egito. Agrande estrutura, construída também para registar a passagem do tempo, poderia muito bem ser obra de uma civilização desconhecida ou da Antiguidade, como os egípcios e suas pirâmides - Veja mais fotos: http://www.danaestratou.com
Contudo, estas intrigantes estruturas em formas de cones são obra de um grupo de de arte grego chamado D.A.S.T, que desenvolveu o chamado “Desert Breath” (“Respiração do Deserto”, em uma tradução livre). O trabalho consiste em duas espirais formadas por cones que saem de um imenso cone central. Em uma espiral, os cones são positivos, formando uma monte; na outra, eles são negativos, ou seja, foram escavados em forma de cone na areia. O cone central é uma espécie de recipiente gigante cavado no deserto, com 30 metros de diâmetro, composto por uma seção em formato de W, que foi preenchido com água.
O projeto foi finalizado em 1997 e persiste até hoje nas areias do Saara como uma forma de lembrar a imensidão do deserto e também de analisar a ação da areia e dos ventos que, vagarosamente, vão transformando e deteriorando o projeto. O “Desert Breath” se espalha por 100 mil metros quadrados e sua construção exigiu a remoção de 8 mil metros cúbicos de areia para criar cones negativos e positivos que foram medidos de maneira precisa.

Se quiser ver o restante das imagens, acesse o site de origem da notícia:

Assista o vídeo que mostra as imagens:


Fonte: http://noticias.seuhistory.com

Fonte do vídeo: Danae Stratou

ACORDA BRASIL: O golpe do PT e os “médicos” de Cuba

Published on junho 24, 2013 by   ·   No Comments


521shareshareshareshare
share17202

LEIA TAMBÉM: Assuntos Relacionados

- See more at: http://fimdostempos.net/acorda-brasil-o-golpe-do-pt-e-os-medicos-de-cuba.html#sthash.fER899q1.dpuf

Acorda Brasil: O golpe do PT e os "médicos" de Cuba


 The Pharmacratic Inquisition - Documentário Revelador! 

Parte 1 



As informações do texto anterior Papai Noel e Árvore de Natal, tem sua origem no xamanismo e nos cogumelos alucinógenos, foram retiradas com base no documentário The Pharmacratic Inquisition, que por sua vez, foi feito baseado nos estudos de Jordan Maxwell e de John M. Allegro. O documentário é genial, fala de Jesus e Lúcifer, do uso de drogas e alucinógenos (os cogumelos), mitologia, explica que o símbolo do dinheiro $ vem do símbolo do Caduceu. É surpreendente e revelador, você aprenderá sobre símbolos, onde nunca pensou existir. São 12 vídeos, vou dividi-los em 2 partes. 

Te ofereço um pouco mais de informação e conhecimento, divirta-se! 







Parte 2







...Mesmo se houvesse um professor sectário Judeu vivendo na Palestina durante a primeira parte do primeiro século, chamado Joshua ou Jesus, ele nada tinha a ver com o Cristo crucificado da teologia de Paulo e portanto não teve papel a desempenhar na formação deste distinto amálgama de fés que eventualmente espalhou-se pelo mundo...