Blog

Blog

17 de mai de 2013

OVNIS - Avistamentos e documentários




Estranho OVNI sobre Sidney


Nosso amigo e caçador de OVNIs da Austrália, Laszlo Novak, fez mais uma bela captura no céu de Sidney. Ele filmou um grande objeto que parece ter o formato de charuto ou disco (dependendo do ângulo de visão). O OVNI também se assemelha a um foguete ou mesmo um meteoro. 

Segundo Laszlo, o objeto estava voando muito lentamente para ser um foguete. Em um determinado momento o objeto vai desaparecendo até sumir completamente. Sempre compartilho os vídeos de Laszlo, pois o mesmo filma OVNIs quase todos os dias e seus vídeos são reais, não existe qualquer adulteração nos mesmos... 


Segue vídeo:

 



Nosso amigo que já é "figurinha carimbada" aqui no ETs & ETc..., o australiano Laszlo Novak, conseguiu uma bela captura nos últimos dias em Sydney. Novak, que filma OVNIs quase todos os dias, e sempre vídeos autênticos, filmou desta vez chemtrails, seguidos de OVNI e helicóptero preto sobrevoando a região. Os vídeos de Laszlo são extremamente confiáveis e por isso sempre os compartilho aqui. A captura foi no dia 27 de abril e segue abaixo para os caros leitores... 
Segue vídeo:


Fonte: Youtube 

OVNI entre nuvens australianas 

Nosso querido amigo, o caçador de OVNIs australiano, Laszlo Novak, continua com suas capturas de OVNIs a todo vapor. Ele registra em vídeo uma infinidade de OVNIs diariamente sobre Sidney. Seus vídeos são muito autênticos e mostram objetos que trafegam pelo céu australiano de forma controlada e inteligente. Eu indico os seus vídeos, pois acredito na autenticidade deles. Novak é dono de um dos meus canais, do Youtube , favoritos. Confiram uma de suas últimas capturas.

Segue vídeo:



Segundo o site Segnidalcielo, da Itália, provas de que o sistema HAARP de manipulação do clima existe e está funcionando, apareceram em vídeo de satélite da NASA. Acompanhem a matéria:

Imagens transmitidas em 26 março de 2013, por um satélite da NASA, mostram uma enorme serpentina característica de uma onda em espiral que parece ter sido emitida das Ilhas  Príncipe Edward no Oceano Índico, exatamente a partir da estação meteorológica de Marion Island.







A estação meteorológica na ilha de Marion

A Ilha Marion é o maior das duas (Príncipe Edwards Island) e está localizada a uma latitude de 46 ° 54 'S e longitude 37 ° 5' E. Tem uma extensão aproximada de 19 km e uma largura de 12 km, cobrindo uma área de 290 quilômetros quadrados e uma costa de cerca de 72 km, a maioria dos quais são abrangidos por altas falésias e inacessíveis. O ponto mais alto da ilha é o Presidente Marion Estado Peak Swart, que chega a 1.230m acima do nível do mar. The Prince Edward Island é muito menor (apenas cerca de 45 km ²) e está localizadz a cerca de 12 milhas náuticas (19 quilômetros) ao nordeste.


As duas ilhas estão localizadas a cerca de 955 milhas náuticas (1,770 km) a sudeste de Port Elizabeth (África do Sul). As ilhas estão na faixa de contato da corrente quente e úmida Africana que faz transgressão ciclicamente para o sul, onde elas colidem com corrente muito fria, se não geladas da Antártida, produzindo distúrbios constantes.


Finalmente temos a evidência surpreendente de que o HAARP existe e há uma manipulação do clima em curso! 

Segue vídeo:


Fonte do vídeo: Youtube DAHBOO77
Fonte da Notícia:  Segnidalcielo



Como já postamos aqui, uma nova tecnologia pode ser capaz de controlar o clima e desenvolver desastres naturais. Essa nova descoberta pode ser usada a favor ou contra a humanidade. Chuvas, terremotos e tsunamis já estariam sendo reproduzidos em laboratórios. Indícios revelam que isso já pode ter acontecido. O ser humano estaria próximo de descobrir como controlar a natureza...
Me parece que a mídia aberta e convencional começa a abrir os olhos para o HAARP. A rede Record de televisão apresentou uma matéria sobre isto no dia 11/09/2011, a qual lhes apresento abaixo, vejam:

Fonte: Youtube Canal de realytivideos


  
ATUALIZAÇÃO: Vídeo colocado no Youtube parece mostrar a radiografia do suposto "mini-ET" encontrado no Chile. A imagem é muito interessante. Acompanhem no vídeo abaixo:

Fonte: Youtube Canal de realytivideos


Fonte do vídeo: Youtube 


MATÉRIA ORIGINAL (24/01/13): Dr. Steven Greer estuda o corpo de um possível alienígena encontrado no Chile. Acompanhem a matéria:

Disclosureproject - Dr. Steven Greer: "Depois de muitas semanas de viagem, estamos de volta para anunciar os resultados surpreendentes que foram obtidos em nosso estudo do possível corpo do pequeno ET. Steven M. Greer (28 de junho de 1955) é um osteopata americano e ufólogo que fundou o Projeto Orion e The Disclosure Project.

Greer diz, "Dr. Bravo, Emery Smith e eu viajamos para o país que é hoje o lar deste possível corpo do pequeno ET e fomos capazes de obter grande sucesso no Raios-X e tomografia computadorizada de todo o corpo. Nós também fomos capazes de obter as amostras de DNA sob condições estéreis e cirúrgicos. Estas amostras de DNA estão sendo estudadas por um dos geneticistas mais importantes do mundo. "


O Raio-X e tomografia computadorizada mostram um intacto organismo humanóide biológico real, sem dúvidas. Surpreendentes imagens em 3-D foram capazes de serem feitas do corpo a partir da tomografia computadorizada detalhada, e fomos capazes de ver os órgãos internos, como pulmões e que eu tenho quase certeza é uma estrutura do coração.


Dr. Steven Greer

Greer acrescenta que "Estas imagens acabaram de serem examinadas pela maior autoridade do mundo em anormalidades esqueléticas, displasias e  síndromes esqueléticos fetais e ele declarou que esta é diferente de qualquer estrutura esquelética conhecida encontrado em humanos. Sabemos também que não é uma antigo hominídeo, e enquanto humanoide, não aparenta ser humano. "

Tanto este perito, bem como o radiologista que é chefe do centro de imagens onde todos raios-X e tomografias foram feitas, afirmaram que a densidade óssea impede que o corpo seja a de um feto abortado com 20-22 semanas humana. Haveria muito pouco cálcio nos ossos para que isso fosse o resultado de um feto dessa idade. Ambos os médicos acham que o momento da morte do ser foi pós-natal (que este viveu por algum tempo fora do útero, se de fato tenha se desenvolvido em um útero...).

Os procedimentos para os estudos de DNA são complexos e demorados. Literalmente o estado-da-arte tecnológica disponível na terra será exercido sobre este estudo, e sua equipe de especialistas é sem dúvida, a mais avançada e profissional que pudesse ser construída. Os estudos de DNA vão demorar cerca de 2 meses, e possivelmente mais.


Greer ainda está esperando os resultados de testes de DNA no corpo alienígena desde 19 de dezembro.

O ser foi encontrado no deserto de Atacama na América do Sul e pessoas próximas de onde o ser foi encontrado falaram sobre terem visto esses seres e naves ET em forma de ovo.

Dr. Greer coloca essa informação em conjunto com o testemunho de Jonathan Weygandt, um fuzileiro naval, que foi nessa área, no local de pouso de uma nave ET em forma de ovo. Tanto o filme da entrevista com Weygandt e seu depoimento transcrito foram disponibilizados para os cineastas. O testemunho de Weygandt é fascinante, não só porque ele estava certo sobre o que ele descreve como "algo em forma entre um ovo e uma lágrima", "dinâmica" e "muito orgânico", mas sentiu que os ocupantes da nave estavam tentando se comunicar com ele. Extraordinário! E de um fuzileiro naval!

Todos os detalhes desta incrível história, serão apresentados no documentário feito pelo Dr. Steven Greer, denominado: Sírius. Vejam o trailer do filme, logo abaixo:

Segue vídeo:


Tradução: Rogério Morazotti
Fonte: http://beforeitsnews.com
Fonte do vídeo: Youtube 




 
Cerca de 4,5 bilhões de planetas como a Terra residem na Via Láctea, após um novo estudo que concluiu que 6% das anãs vermelhas – estrelas menores e menos brilhantes que o Sol – abrigam um planeta habitável do tamanho do nosso. O estudo adiciona que muitos desses planetas podem estar mais próximos do que imaginamos, a apenas 13 anos-luz de distância.


“Nós pensávamos que teríamos de procurar em grandes distâncias um planeta como a Terra”, disse o autor do estudo Courtney Dressing, do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics (CFA). “Agora percebemos que uma Terra alienígena está em nossa vizinhança cósmica esperando para ser descoberta.”

Dressing e sua equipe analisaram dados recolhidos pelo telescópio espacial Kepler, da NASA, que está observando continuamente mais de 150 mil estrelas. O instrumento vê planetas alienígenas através de reduções no brilho de suas estrelas causados pelo trânsito planetário. São necessários 3 trânsitos para o Kepler detectar um possível planeta alienígena.


O Kepler já detectou 2740 candidatos a exoplanetas desde o seu lançamento, em março de 2009. Apenas 105 desses planetas foram confirmados até agora, mas os cientistas estimam que 90% dos candidatos sejam de fato planetas.

Catálogo de planetas potencialmente habitáveis:
 
No novo estudo, a equipe de Dressing reanalisou as anãs vermelhas vistas pelo Kepler e descobriu que quase todas são menores e mais frias do que se pensava anteriormente. Isso traz sérios impactos na procura por uma Terra alienígena, já que 75% das estrelas de nossa galáxia são anãs vermelhas. O tamanho e brilho de uma estrela influencia fortemente a sua zona habitável, região que permite a existência de água em estado líquido na superfície de um planeta.

Com esses novos dados, a equipe calculou que existem aproximadamente 4,5 bilhões de mundos potencialmente habitáveis somente na nossa galáxia, a Via Láctea. [SpaceFoxNews]




  
Os antigos índios do sudoeste americano tem um folclore transmitido há milhares de anos de dois objetos (OVNIs) que teriam colidido no céu e fizeram um pouso forçado na região do Vale da Morte. A sabedoria popular descreve Homens (ou seres parecidos com homens) chegando e trabalhando na reparação das naves danificadas. A reparação foi observada pelos índios locais, que registraram o que eles observaram em uma rocha (petróglifo)...

As imagens abaixo são do petróglifo que está em algum lugar no Vale da Morte (lembro que há poucos dias um OVNI foi filmado lá, veja aqui) e representam as gravações feitas pelos índios de tempos antigos para registrar suas observações do reparo dos OVNIs. A referência para essas imagens foram retiradas de uma antiga série de TV dos anos 70, intitulada "Em busca de", que foi hospedada por Leonard Nimoy (aka Mr. Spock da série original de Star Trek).

Representação, em rocha, de discos voadores
Observe no desenho das naves o que se parece com danos estruturais nas bordas e na parte inferior da nave.

 Segue vídeo: 
 
A parte mais interessante das imagens da rocha gravada é considerar que algumas partes se assemelham incrivelmente com as fotos de ondas encontradas nos instrumentos "osciloscópio" da eletrônica moderna. O osciloscópio é um instrumento fundamental utilizado por engenheiros para o projeto e reparação de equipamentos elétricos e eletrônicos complexos. Ele é usado para medir e analisar o poder e as características do sinal em circuitos elétricos e eletrônicos.

Se estas forem naves espaciais reais, então devemos presumir que foram fabricadas usando a tecnologia de equipamentos elétricos e eletrônicos avançados, e que de alguma forma isto foi usado no reparo das naves e observado pelos índios, os quais posteriormente registraram tudo em petróglifos. Observem nas fotografias abaixo, quão grandes são as semelhanças entre os símbolos feitos pelos índios nas rochas e as ondas registradas por osciloscópios modernos.
 
Mesmos os mais céticos tem que se atentarem para isto, afinal qual a possibilidade de índios de milhares de anos atrás conhecerem dados técnicos de eletrônica moderna???

Isto é realmente muito intrigante, vejam as imagens comparativas: 
Desenho indígena
onda senoidal
Onda quadrada indígena (petróglifo)
Onda quadrada do osciloscópio moderno

Petróglifo indígena comparando formas de ondas senoidais

Osciloscópio moderno comparando formas de ondas senoidais

Petróglifo com ondas triangulares

Osciloscópio moderno com ondas triangulares

Petróglifo indígena com ondas pulsantes complexas

Osciloscópio moderno com ondas pulsantes complexas
Fonte: http://www.abovetopsecret.com
Fonte do vídeo: Youtube Andy Bell






Pesquisador faz mais revelações sobre a tão conhecida nacional e internacionalmente, Operação Prato. Trata-se de relatos do pesquisador Vitorio Peret. Assista no vídeo abaixo os breves comentários de Vitório Peret, sobre algumas curiosidades da Operação Prato, quando em setembro de 1979 convidado pelo Gen. Alfredo Moacyr de Mendonça Uchôa, foi apresentado ao Major Uyrangê Hollanda e ao Sgt. Met. Flávio Costa, os dois expoentes da missão militar...
...Na ocasião, durante uma reunião, foi possível ver inúmeras fotografias obtidas pelos militares e assistir a dois filmes que capturaram os estranhos movimentos de objetos espetacularmente luminosos, submersíveis e voadores, na região da Baia do Sol na ilha de Mosqueiro, Ponta do Machadinho em Colares e município de Vigia de Nazaré-PA, durante os últimos meses do ano de 1977. 
Segue vídeo:

 


Fonte: Youtube Vitorio Peret

Um Nephilim-Reptiliano ou montagem? O que houve no rosto dele?

repti 

O vídeo é sobre um possível disfarce de um extraterrestre que é general aqui na Terra. Apesar de lermos muito que eles estão entre nós, faltam sempre as provas fatídicas. Como – e de praxe – esta é uma evidência bem questionável. Eu gostaria de compartilhar com vocês, leitores, alguns pontos curiosos sobre este vídeo.

Vejam o vídeo primeiro.

Quando o Senador John McCain está a falar ele olha estarrecido como se visse algo espantoso. Aquilo não é uma expressão de nojo, é uma expressão de terror, espanto.

Quem som é aquele emitido pelo General? Para uma pessoa em um estado normal, aquele som não caberia às circunstâncias e tampouco seu semblante. O que aconteceu para que o general produzisse um som de dor e ao mesmo tempo parecesse tão bem?

Podemos ver que o rosto do general Petraeus há uma leve ondulação quando o vídeo flui normalmente.

Mais ao final do vídeo, antes de fechar os olhos, parece que as pupilas do General mudam para um formato reptiliano.

Entretanto, ainda tenho outras perguntas…

O formato do rosto dele corrobora para aquela anomalia no vídeo? É que ao redor dos olhos ele possui cavidades que, ao girar o rosto como fez, pode ter produzido algum efeito através da câmera que estava gravando ou até mesmo pela imagem que estava atrás dele.

Poderia isso ser uma montagem? Eu não descarto a hipótese mas que o vídeo é estranho… AHHH ISSO É!

Eu não sei nem o que falar desse vídeo.

A minha cara ficou assim…(clique para ampliar)

lion

Armas de freqüência Neuro-Electro-magnéticas, Tecnologia Extraterrestre?

Uma das ferramentas usadas pelos militares em modificação do comportamento e controle da mente são as armas freqüências eletromagnéticas operados remotamente. Estas armas usar microondas, ELF (Extremely Low Frequencies) e freqüências acústicas para manipular secretamente as mentes das pessoas sob ataque. O uso de armas de freqüência em seres humanos em relação ao controle comportamental e assassinato não é nova. Por mais de 50 anos, a frequência das Armas Neuro-Electro-magnéticos foram aperfeiçoadas pelo seu uso secreto na guerra. Estes «classificado», «não-letais" ou "armas silenciosas 'também foram aperfeiçoados através da experimentação em pessoas inocentes desde o seu desenvolvimento inicial. Dirigindo um feixe de frequências de um cérebro humano, podem causar uma série de efeitos secundários graves. Ondas ELF causar náuseas, dores de cabeça, frequência cardíaca acelerada sem justa causa, para citar apenas alguns. Em 1974, a primeira transmissão de sucesso não classificado da voz humana diretamente para o crânio de uma pessoa viva foi realizada pelo Dr. Joseph C. Sharp da Reed instituto exército de pesquisa Walter, transformando a voz de um hipnotizador usando da ELF. Esta técnica foi mais tarde evoluiu para o método de disputa Smirnov, e usado na Guerra do Golfo. É possível hipnotizar um alvo sem o alvo estar ciente e deixando rastro de zero de provas.

Por freqüências emissores que oscilam em uma determinada faixa de freqüência de uma vítima pode ser manipulado. Existem seis tipos de ondas cerebrais: delta é a gama de frequências até 4 Hz e está associada com o sono. Theta é a faixa de freqüência de 4 Hz a 8 Hz e está associada com sonolência, infância, adolescência e idade adulta jovem. Alpha (onda de Berger) é a faixa de freqüência de 8 Hz a 12 Hz. Ritmo sensório-motor (SMR) é uma freqüência média (cerca de 12-16 Hz) associado a imobilidade física e presença corporal. A meta terá dificuldade para mover sempre que esta freqüência é aplicada. Beta é a faixa de freqüência acima de 12 Hz. Baixa beta amplitude com múltiplas e diferentes freqüências é freqüentemente associada com o pensamento ativo, ocupado ou ansioso e concentração. Gamma é a faixa de freqüência de aproximadamente 26-80 Hz. Ritmos Gama parecem estar envolvidos na maior atividade mental, incluindo a percepção, resolução de problemas, o medo ea consciência. A forma da arma freqüência depende de como as frequências têm de ser dirigidos para o alvo. O Patent and Trademark  Office EUA detém uma vasta quantidade de patentes de máquinas que podem ser usadas em sistemas de controle da mente direta ou subliminar. Uma delas é um sistema de audição, Patente EUA # 4.877.027, Brunkan por Wayne, 31 de outubro de 1989. Um método para induzir directamente o som para dentro da cabeça de uma pessoa, utilizando microondas na gama de 100 MHz a 10,000 MHz, modulada com uma forma de onda de rajadas de frequência modulada. Outro é o método e sistema para alterar a consciência, Patente dos EUA # 5123899, de James Gall, 23 de junho de 1992. Um sistema para alterar os estados de consciência humana que envolvem a utilização de aplicação simultânea de vários estímulos, de preferência sons, tendo diferentes frequências. Ainda outra é o Método de Sobreposição e aparelho útil para mensagens subliminares, Patente dos EUA # 5134484, Joseph Wilson, 28 de julho de 1992. e Método de mudar o comportamento de uma pessoa, Gerador de Mensagem Subliminar, Patente dos EUA # 5270800, de Robert Sweet, 14 de dezembro de 1993. Um gerador de mensagem subliminar e supra-liminar combinado para uso com um receptor de televisão; permite o controle completo de mensagens subliminares e sua apresentação.
Também aplicável à televisão por cabo e computadores. Auditivo Sistema Subliminal Mensagem e Método, Patente dos EUA # 4395600, Rene Lundy e David Tyler, 26 de julho de 1983. Uma mensagem subliminar amplitude controlada pode ser misturado com a música de fundo. E psico-acústica Projector, Patente dos EUA # 3568347, Andrew Flanders, 23 de fevereiro de 1971. Um sistema para a produção de distúrbios psicológicos auditivas e surdez parcial do inimigo em situações de combate. Suficiente sobre as armas de frequência. 

 

A chave para a projeção comandos nas mentes de outras pessoas repousa na compreensão do que está sendo comunicado. Na década de 1950 no Reino Unido e EUA decidiu criar a maior rede de espionagem do mundo para garantir que todas as comunicações entre russos e espiões ou aliados foi monitorada. Este sistema tem sido continuamente atualizado desde a sua criação. O nome do sistema é Echelon e é composto por uma vasta rede de postos de escuta, computadores extremamente avançados, uma enorme quantidade de pessoas, louças e torneiras. Echelon captura todas as comunicações via Internet, GSM, UMTS, telefone fixo, TV e rádio, comunicações por satélite (privado, militar e diplomática) e ouve cada palavra, assim os computadores fazem. Os computadores funcionam com uma lista de palavras-chave e quando a mensagem contém uma ou mais palavras-chave a mensagem é dirigida a um especialista que examina seu conteúdo. Se a mensagem é "suspeito" outra ação será tomada.

Este Governo "Silent Weapons" tecnologia Black foi desenvolvido para monitorar o local e manipular as mentes da população em geral. Centros Echelon estão localizados ao redor do mundo, incluindo Menwith Hill, North Yorkshire, Inglaterra. HAARP, Remoto Controle da Mente Computer Center, Alaska. E Pine Gap, perto de Alice Springs, Território do Norte, na Austrália.

     Sistema de Negação Ativa deslocar Multidões

A ANS também está construindo uma rede de torres de até 500 metros de altura, cada torre, a uma distância de 200 quilômetros de distância e que se estende do leste para o oeste de os EUA. A rede é chamada Gwen, Terra Onda de Rede de Emergência, e transmite freqüências muito baixas combinadas com Ultra High Frequencies e é usado no caso de os sistemas de comunicação em os EUA são inutilizados por causa de um ataque nuclear. Coincidentemente as freqüências de GWEN coincidem com as freqüências sendo usados ​​por armas de frequência. Se você começar a pensar sobre o que pode acontecer a um 500 metros de altura da torre quando exposta a uma arma nuclear você tipo de pensamento se início a construção de estruturas de alta é a estratégia certa para cenários nucleares. Também sistemas de telefonia móvel, como GSM e UMTS também operam nas mesmas áreas de frequências que algumas armas de frequência, o que significa que estes sistemas, como Gwen, pode, potencialmente, ser usado como uma arma, alterando a modulação da freqüência e da direção do sinal .

                                            
                                              

Operação Prato: Defesa vai Liberar Documentos sobre OVNIS!

A ação de 1977 é tratada como um dos maiores esforços militares em busca de objetos voadores não identificados no Brasil.
O Ministério da Defesa promete revelar, em junho, documentos secretos de uma das maiores operações militares envolvendo objetos voadores não identificados no Brasil. A Operação Prato, de 1977, que levou a Força Aérea Brasileira (FAB) para verificar ocorrências extraordinárias no Pará, produziu um grande volume de material, em relatos, fotografias e vídeos, grande parte secreta até hoje. A decisão foi tomada após reunião com membros da Comissão Brasileira de Ufólogos (CBU) e representantes das Forças Armadas, no dia 18 de abril. 

Documentos

O Brasil é um dos pioneiros na investigação de objetos voadores não identificados. Oficialmente, de 1969 a 1972, a Força Aérea Brasileira teve até um órgão dedicado a esse propósito. Desde a regulamentação da Lei de Acesso à Informação (LAI), alguns documentos da Força Aérea, que relatam eventos de 1950 até 2010, foram liberados. Mas os ufólogos afirmam que grande parte do material produzido nessa busca por óvnis ainda não veio a público. Por isso, eles principiaram, em 2004, uma campanha chamada “UFOs: Liberdade de Informação Já”, com o objetivo de pedir ao governo a liberação desses arquivos.

Os ufólogos acreditam que haja milhares e milhares de documentos sobre o assunto em posse da Marinha e do Exército. “Da Marinha, existe o caso da Corveta Mearim, de UFOs que perseguiram embarcações brasileiras da Marinha e deixaram seus equipamentos inutilizáveis, alguns por um determinado período. E o caso Ilha da Trindade, de 1958, sobre um óvni que teria sido visto pela tripulação de uma embarcação da Marinha”, explica Ademar Gevaerd, jornalista e editor da revista UFO.

Já do Exército, os ufólogos esperam documentos oficiais sobre o Caso Varginha, de 1996, que teve repercussão nacional. Segundo Gevaerd, esse caso teve uma investigação secreta e contou com envolvimento dos militares. “Esses documentos o exército nunca entregou, e eles existem. Nós entrevistamos militares que descrevem detalhes da captura dos dois seres e de restos da nave espacial. Temos o áudio dessas entrevistas, inclusive. Não vamos revelar nomes, mas nós temos esse registro”, afirma.

O coronel Alexandre Emilio Spengler, coordenador do Serviço de Informações ao Cidadão do Ministério da Defesa, alegou que, com exceção da Operação Prato, o restante dos documentos solicitados se encaixa em uma destas categorias: 1) encontra-se à disposição nos arquivos da Marinha e do Exército e no arquivo Nacional; 2) não foi encontrado; 3) foi destruído;  4) nunca existiu.

Conforme Spengler, a Operação Prato, do Comando da Aeronáutica, é a pasta secreta que faltava revelar. “O último documento sigiloso, e ainda não entregue aos ufólogos, é o da Operação Prato, que poderá ser aberto já em 1º de junho de 2013. Os demais documentos solicitados pelos ufólogos ou não foram encontrados, ou não existiram, ou foram destruídos, como é previsto em lei”, afirma. Ele se refere ao ao decreto nº 79.099/77, que regulamentava a salvaguarda de documentos sigilosos e permitia sua destruição, assim como dos eventuais termos de destruição, pela autoridade que os elaborou ou por quem detivesse sua custódia.

Operação Prato

Em 1977, a Força Aérea Brasileira deslocou mais de 20 militares para uma operação especial: registrar e verificar ocorrências de luzes hostis e manifestações misteriosas na cidade de de Colares, no Pará. Armados com câmeras fotográficas e filmadoras, os agentes não presenciaram nada extraordinário nos dois primeiros meses. Depois, no entanto, de acordo com os relatos, o cenário se alterou completamente: objetos luminosos se movimentando erraticamente, naves maiores do que prédios de 30 andares e depoimentos chocantes da população ribeirinha.

A Operação Prato, como ficou conhecida, resultou em 2 mil páginas de documentos, 500 fotos e 16 horas de filme. Porém quase tudo permanece arquivado, segundo Gevaerd. “Ainda falta 80% do material, centenas de fotos, vídeos que foram registrados, relatórios dos pilotos, que fizeram a perseguição - nada disso foi liberado”, esclarece.

Da liberação

Segundo o art. 45 do Decreto 7.724, de 16 de maio de 2012, que regulamenta a Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011, as informações desclassificadas nos últimos 12 meses devem ser publicadas, anualmente, até 1º de junho de cada ano. A Comissão Permanente de Avaliação de Documentos Sigilosos (CPADS) do Ministério da Defesa é quem avalia os documentos sigilosos do Ministério da Defesa. “Na reunião do dia 18 de abril de 2013, o representante do Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (Comdabra) informou que os documentos referentes à Operação Prato (Pará) estão sendo reavaliados por essa Comissão e que poderão perder o sigilo (secreto) já em 1º de junho de 2013”, declara Spengler.

Interesse

A reunião, realizada no dia 18 de abril, foi um marco no diálogo entre ufólogos e militares. “É a primeira vez na história, não só do Brasil, mas do mundo, que o Ministério da Defesa chamou os ufólogos para conversar e expressar os seus pontos de vista. Saímos da reunião sem nenhum documento adicional, mas com a promessa de que eles vão ser liberados”, destaca Gevaerd. 

Essa medida atende a um interesse da população, já que a ufologia açula a curiosidade dos terráqueos. Ao todo, houve 107 solicitações de informações sobre óvnis (cinco da administração central do Ministério da Defesa, nove do Comando da Marinha, 26 do Comando do Exército, 65 do Comando da Aeronáutica e dois da Escola Superior de Guerra). “Foi a maior demanda sobre um único assunto recebida pelo Ministério da Defesa”, ressalta Spengler.

Para Gevaerd, revelar todos os documentos demonstraria transparência e responderia muitas questões. “Ainda existe uma dúvida se os óvnis existem ou não. As pessoas torcem o nariz e perguntam: ‘Será?’”, comenta. “Com a liberação dos documentos, deixa de haver um mistério, passa a haver transparência, e é isso que as pessoas querem”, insiste. Pelo menos em relação à Operação Prato, as dúvidas serão respondidas em junho.


                             Veja o Vídeo Abaixo: